Amigos

Há uma máxima que afirma que “Em clube, embora você entre para fazer amigos, acaba ganhando um monte de inimigos”. Um dia, cheguei a concordar. Um outro tempo, uma outra forma de encarar a vida, vaidade que poderia ser mais comedida, projetos, sonhos… Enfim, o mundo era outro…

Hoje, estou muito mais preocupado com as coisas boas, com o lado positivo das coisas e, ficar e guardar, o que há de melhor em cada uma das pessoas que fizeram parte da minha vida no Flamengo. Não posso deixar de apresentar dois depoimentos, através de dois email recebidos. O primeiro, do grande rubro-negro Mario Cruz, a mim endereçado e o segundo, encaminhado também ao Mario Cruz, pelo ex-presidente Hélio Paulo Ferraz.

O que me impressionou foi o volume de amor contido nestes depoimentos. Muito de acordo da forma como vejo a vida hoje.

No depoimento do Mario, dêem um desconto ao amor e carinho de um querido amigo. Se julgarem exagerado, relevem. Amor é assim mesmo e, ainda bem que ele existe.

Desfrutem…


De: Mario Cruz
Data: 23/01/2015 23:13
Para: Kleber Leite; Flassociados

Caros,

Dirijo-me a vocês por ter certeza que ambos concordam que KL é um grande rubro-negro. Na minha opinião, um dos mais apaixonados e competentes que conheci. Poucas pessoas no Brasil tem o conhecimento de futebol que tem o KL.

Com relação ao eterno “imbroglio” Consórcio Plaza, certa feita, em seu Blog, KL colocou a disposição de todos a documentação envolvendo o assunto (leiam aqui: Consórcio Plaza, Banco Central). Estive presente em todas as reuniões do Conselho Deliberativo que tratou do assunto e o que lá está é a mais pura verdade. O Code votou por maioria que o pessoal do Consórcio não teria condições de vencer nos tribunais. Leiam, releiam com calma o que lhes envio para que passem a dominar o assunto. Verão que KL não é o culpado.

KL só peca pelos rompantes que tem quando o assunto é Flamengo. Como ele me disse várias vezes: “Mario, posso pecar por excesso, jamais por falta de ação”. Sempre quer o melhor. Lembram-se quando quase conseguiu reverter a venda de Bebeto, oferecendo ao mesmo US$ 200,000.00 para que voltasse atrás? Sabe quantas vezes KL já botou grana do próprio bolso para tirar o Flamengo de verdadeiros rabos de foguete? Mesmo assim, hoje o vemos muito mais comedido, mais doce, menos aguerrido.

Amigos, até a falsa lenda dele ser pé-frio, criada pelo mau-caráter do RMP, subsiste.

KL nos livrou do rebaixamento em 2005, nos sagrou campeões da Copa do Brasil em 2006, nos deu o Tri Carioca 2007/2009, deixando pronto o time do Hexa. De 2005 a 2009, exatamente quando lá estive como VP Planejamento, diariamente KL estava na VP de Futebol, sou testemunha disso.

Creiam no que lhes digo, KL não merece a fama que lhe dão. Kleber Leite é um grande rubro-negro.

Forte abraço

SRN

Mario Cruz


De: Helio P Ferraz
Data: 26/01/2015 10:47:51
Para: flassociados@xxxxx.com
Assunto: Re: RES: [flassociados] HOMENAGEM AOS NOVOS CONSELHEIROS

 Amigo Mario,

Uma linda história de amor!!!!

A história de amor, entre os diversos gêneros literários é o que mais encanta, e encanta mais quando relata sobre um amor compartilhado, pois que a empatia (resposta afetiva à situação de outra pessoa) se intensifica, na medida em que o sentimento narrado corresponde a algo que o leitor reconhece, também experimenta.

Assim, muito me recordou dos craques dos anos 50, durante a leitura do seu texto, me identifiquei com você, lembrando ouvir a final de 55, pelo rádio de pilha, em baixo do travesseiro, pois acordava às 5,30 para a escola, meus pais me queriam dormindo.

Lembrou-me dos craques de então, como Dida que fez, acho que 4 gols, e se consolidou como craque, ao lado de Moacir, Babá, que se alternavam com consagrados Evaristo, Rubens, Jordan, Garcia, Tomires, Pavão e tais.

Com a emoção que tive quando meu avô, tricolor, me levou para me associar como aspirante em 1954, carteirinha cujo original doei quando saí da Presidência, às relíquias do Clube.

Recordei-me do meu maior maior ídolo à época, Gilberto Cardoso, nosso Grande Presidente que morreu deste amor que você narra e compartilhamos todos, e que me fazia, então, pensar em quando crescer ser, não o Dida, ou um Evaristo, mas o Gilberto Cardoso.

Imagina com que sentimento de honrosa missão ocupei o mesmo assento que fora deste ícone Rubro Negro, fora das quatro linhas.

Zico, Junior, Andrade, Silva que me fez vibrar com a contusão de Pelé, na Copa de 66, porque seria o titular, Doval, quantos ídolos.

Marcio Braga, de tantas conquistas, Antonio Augusto, Campeão do Mundo, Kleber Leite que nos trouxe o melhor do mundo, da época, 1994, Romário. Seria como trazer Messi, ou CR7, hoje.

Patricia Amorim que nos trouxe Ronaldinho, com Luxemburgo e Wagner Love, na era Engenhão.

Nosso grande Paulo Dantas, de tantas glórias, nosso Joca, grande Vice de futebol, poeta nas finanças, mas com realismo, de grandes histórias, Marcio/Delair e Marquinho, de 2009.

O grande Pet! 

Lembro que na final com Vasco, SRN ao então Presidente, meu filho com 9 anos desesperado, precisávamos do terceiro gol. Eu disse fica tranquilo meu filho que o PET vai fazer, agora. 

Fez!!!! 

Depois ele perguntou papai como você sabia?

São essas certezas da paixão, que não se explicam, ligação direta entre o divino e o coração, é o amor….. pois que não foi feito para ser explicado, apenas, vivenciado com intensidade, ou versificado, como fazem os poetas, pois uma dádiva Divina.

Parabéns Mario, Amigo, lindo e inspirado texto. 

parabéns novos companheiros, ungidos pela legitimidade e pela letra do estatuto, o resto é letra de samba.

Bem vindos à esta nova condição de co-autoria, dos insucessos e das grandes conquistas, que nos levam do céu ao inferno e vice versa.

Bem vindos à condição de protagonistas, agora no palco, não mais na platéia, desta viva e real história de amor que comungamos, 

Helio Paulo Ferraz

1 Comentário

  1. Kleber, sou seu fã desde o rádio e voce, foi sim, um dos grandes presidentes que o Clube de Regatas do Flamengo teve. Errou como todos erram, mas montou um time maravilhoso em 95 e 96. SRN.

    Reply
  2. Vi a torcida do FLAMENGO RENASCER.

    Quando vejo o FLAMENGO jogar off Rio, o que mais penso é no RENASCIMENTO da torcida rubro-negra. Observo o rosto das CRIANÇAS encantadas em ver de pertos aqueles HEROIS da tv, que vestem vermelho e preto.
    O brilho em seus olhares evidencia que a magia do Flamengo RENASCEU em novos coraçoes.
    Lembro da primeira vez que vi o FLAMENGO de perto. Muitos títulos vieram e virão, mas aquele dia jamais sairá da minha mente.

    “Ser FLAMENGUISTA.Talvez esse seja o maior titulo que o FLAMENGO deu a cada um de nós “.

    Reply
  3. Camisa 19, coincidência ou destino ?

    19 esse era o número nas costas do jogador que para muitos(incluindo-me entre eles) tem sido o destaque na pré-temporada do FLAMENGO.

    O time que ficou marcado por ter tido ZICO – um dos maiores e melhores 10 da história do futbol mundial – começa a temporada com um promissor 19.

    Coincidencia ou ironia do DESTINO ?

    Para quem não percebeu, 19 = 1+9 = 10

    JAMAIS o FLAMENGO terá um outro ZICO. Por um motivo óbvio Zico virou MITO, e como tal tornou-se ETERNAMENTE inigualável.

    Na ETERNA e GIGANTESCA falta do Zico em campo,
    começar o ano com um promissor 19 parece significar bem mais que uma simples coincidencia.

    Reply
    • Calma, amigo FLA D +…
      Já que é isso tudo, deveria colocar a 20. 10 + 10…
      KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
      O garoto é ótimo. Mas quero ver valendo.
      Se jogar um bom Carioqueta, tem que contratar no final.

      PS – Não poderia ter perdido aquele golzinho, na cara do Ceni.

      Reply

Comente.