Ping-Pong

 

ping_pongCom saudade enorme, volto à nossa paixão. Para começar, muito boa sorte ao nosso novo treinador que, confesso, tenho por ele simpatia e uma enorme torcida para que o Flamengo seja para ele a virada de página para a consagração.

O momento é de apoio total e irrestrito. Treinador novo e a certeza de que teremos em breve uma bela dupla de atacantes, composta por Cirino e Guerrero. Aliás, palmas para a contratação de Guerrero. Os pessimistas de plantão acharam caro. Por favor, em nome da coerência e da inteligência, um pouco de paciência vai bem. Que tal aguardar Guerrero poder mostrar as suas armas, para aí então afirmar que foi caro? Pode ser que eu esteja enganado, mas acho que o custo/benefício de Guerrero será espetacular…

Enquanto Guerrero não vem, seja o que Deus quiser no FLA- FLU. Continuo, apesar dos pesares, acreditando que dias melhores virão. A parada para a disputa da Copa América será muito bem-vinda. Perfeito para arrumar o time…

O Pong é para Lauro Jardim, brilhante companheiro da Revista Veja.

Lauro, querido, você tão competente e tão comprometido com a verdade, esqueceu de algo tão simples no jornalismo que é checar uma notícia.

Entendo. Errar é humano.

Talvez tenha sido até bom, pois com certeza, haverá um momento melhor para singrar os mares da verdade.

Vida que segue…

1 Comentário

  1. Os chatos de plantão, principalmente de São Paulo, criticaram a direção do Flamengo em nome da tal política de pés no chão até então adotada.
    Com um empurrão da Caixa e da Adidas, o parto foi um sucesso.
    Realmente temos o melhor centroavante do Brasil, e um ótimo 2º atacante.
    Apenas, é necessário relembrar como a bola chegará!
    Nosso saldo (R$14 milhões – Hernane e supostamente Samir), vão se encarregar de resolver este problema.
    Insisto no argentino Gustavo Lorenzetti da La U.
    Com 29 anos completados, é um meia que pode resolver nossos problemas.
    De saída do time chileno, chegará apenas por salários.
    Fala-se muito em Elias. Pode fazer, como provou, o papel de meia-atacante.
    Também seria um ótimo nome.
    Como Wrobel está entre 3 medianos, ou, mais um craque, fico com a segunda opção.
    Medianos, já temos a dar com pau.
    O grande problema, é acertar este tiro na testa.
    Pra ficar bonito, meias como Montillo, Conca, D’Alessandro, Thiago Neves…ou, até mesmo o eficiente Alex do Internacional.
    Pena que Omar Perez (Santa Fé) tenha 34 anos. Belíssimo meia!
    Com Jonas, Canteros, XXXXXX, Éverton, Cirino e Guerrero…meio da tabela passa a ser assunto liquidado.

    Reply
  2. Caro Kleber, o astral do Cristóvão na chegada ao Flamengo me deixou muito esperançoso , parece que ele está muito afim de fazer sucesso no Mengao . Tomara que nosso time emplaque o mesmo espírito!!! Só não entendi a rejeição de parte da mídia , principalmente do Renato M. Prado , poxa , detonar a escolha do Cristóvão e referenciar uma possível escolha pelo Pet alegando que o primeiro não ganhou títulos como treinador e no mínimo incoerente.Que venha bons tempos pro nosso futebol!!!!

    Reply
  3. Presidente, concordo com os amigos acima, esse meia da “La U” é muito bom! E como lembrado pelo Sorín a dias atrás, os meias argentinos que fizeram sucesso no Brasil vieram do Chile, leia-se Montillo e Conca. Então acredito ser uma boa aposta. Dispensem o Alecsandro, que o Grêmio está querendo, contratem o lateral-direito Vitor que está com o contrato vencendo no Sport, e o time pernambucano parece que não vai renovar e também esse meia da “La U”. De resto, fiquem atentos ao mercado que a falta de dinheiro dos clubes brasileiros farão aparecer alguns bons nomes. Cristóvão me parece uma ótima escolha!

    Reply
  4. Na verdade são duas novas contratações: Cristóvão e Guerreiro. O segundo ainda por vir, mas será muito bem vindo e se pagará. Cristóvão, nesse momento, vejo-o mais como um garoto jovem, empolgado por ter arrumado um emprego numa grande empresa, que pode ser a porta que lhe faltava para mostrar seu talento. Fez trabalhos regulares no Fluminense e no Vasco, mas nada impressionante. Mas como no Flamengo gente humilde e trabalhadora costuma se dar bem, espero que isso também se confirme no caso dele. É boleiro e sabe que entrar em atrito com jogador é fria. Tem que trazer o grupo para sí e enfocar o jogo coletivo, sempre buscando o melhor companheiro em campo na hora de finalizar. Fala-se muito que ainda falta um meia criativo para fazer a ligação com o ataque. Concordo. Mas também chamo a atenção para nossa defesa. Não anda nada bem. Wallace e Bressan não deram liga. Temos o Samir que não entendo por que não está sendo escalado, mas está sendo relacionado. Como hoje tem Fla x Flu, amanhã temos muita coisa para falar. Então, até amanhã.

    Reply

Comente.