MARACAMENGO

(Foto: Divulgação/Flamengo)

(Foto: Divulgação/Flamengo)

Quem está administrando o Maracanã já disse em alto e bom som que, pelo fato do governo não ter cumprido o que acordado foi em contrato, como as demolições do Célio de Barros, piscinas e Museu do Índio, na impossibilidade de se atingir as metas traçadas, a solução é devolver “a criança” para o Estado.

O Governador Pezão já disse que o estado não tem nenhum interesse em novamente adotar “a criança”. Enfim, este é o quadro.

Querem saber o que acho? Deveria o presidente Eduardo Bandeira de Mello, ter como prioridade máxima, encontrar caminhos que levassem o Maracanã a se transformar em Maracamengo!!! E, sem essa de dividir administração do estádio com quem quer que seja. Tomar posse, mesmo!!! Ser a nossa casa pelo resto da vida!!!

A força do Flamengo é enorme. Jamais deixará de haver parceiros interessados em projeto tão grandioso. Muita criatividade, muita inspiração e muita transpiração, transformarão sonho em realidade.

Sonhar, é possível sim. A hora, é essa!!!

1 Comentário

  1. Sim , perfeito… mas qual seria as chances pra isso acontecer ? mesmo assim acho que deveríamos jogar o carioquinha na Gávea, não da pra fazer uma bela reforma na Gávea em termos de arquibancadas ?

    Reply
    • Allex, para o Carioca já passou, não há tempo! Para o Brasileirão sim, em jogos de menor expressão, estudou-se ampliar a capacidade do estádio da Portuguesa (atuais 3800), o melhor seria ampliar a Gávea (atual 4000), na época da arquibancadas das Mills, público récord 17500 pessoas, mas duvido que consigam permissões.

      Reply
  2. I have a dream, the maracanã is our.
    Seria a consagração do maior clube brasileiro, ter o maior estádio do Brasil. Haja coração, como diz o Galvão Bueno.

    Reply
  3. Esse é o momento….. governo, concessionária , todos desnorteados e fragilizados . Esse é o TIME!!! O Maracanã e o ideal pra nós !!! Loucura construir um novo estádio no Rio!!!!

    Reply
  4. Continuo acreditando que a melhor solução seria investir num estádio de porte menor (capacidade e custo operacional)
    Capacidade-Hoje grande parte das arenas construidas em todo Brasil o porte é de 40 mil no máximo o que dá a sensação ao visitante estar jogando num alçapão, imagina os jogos deficitários do Carioca e chegando no Brasileiro o time disputando a parte intermediária da tabela,qual seria o público nesses jogos?
    E imaginemos a idéia de construir um estádio num lugar novo ou a reforma da Gávea mesmo que leve um tempo….pessoal até motiva o torcedor e eleva o sentimento de estarmos construindo uma coisa realmente nossa veja o marketing utilizado na época da construção da arena Corinthians onde até os torcedores meteram literalmente a mão na massa…coisa que ao meu ver não é caso do Maracana,pois podemos fazer um contrato…mais não teremos o sentimento de ser algo realmente nosso,então não minha opinião deveríamos deixar de lado essa busca pelo Maracana..que poderíamos usar sim em finais ou em jogos decisivos.

    Custo operacional-Qual atrativo teria para jogar as primeiras rodadas do carioca contra Bangu,Cabofriense,Boa Vista e outros…com certeza é público para 10,15 mil e com certeza nesses jogos o custo do Maracana seria o mesmo…com luz,bares e pessoas entre outros,há poderíamos buscar soluções com abrir uma parte para esses jogos com somente cadeiras inferiores? Idéia essa que não me atrai como frequentador a anos do Maracana a alguns anos,esteticamente fica uma atmosfera morta.
    Hoje todos os grandes do Brasil tem ou estão encaminhados para a sua própria casa…tirando os do Rio e o cruzeiro!!
    Portanto já passou da hora de partimos em busca da nossa casa ou reformar a nossa antiga e de DIREITO nossa casa.

    Reply
  5. “Sem essa de dividir a administração do estádio com quem quer que seja”….concordo com o Kleber Leite, também acho que deveria haver uma nova distribuição dos lugares no estádio, encolheram demais o maraca, mais público sim com preços populares para o torcedor menos abastado, expulsaram os pobres do Maracanã, também uma vigilância privada para a garantia da segurança interna, a PM tem limitado o público de forma arbitrária, em tempos de profissionalismo um tiro no pé. Parcerias sim para angariar os fundos necessários para a manutenção do gigante….Acho que é viável e o presidente Bandeira já sinalizou que quer encarar a empreitada…..resta saber se vai haver a boa vontade do Governo do Estado.

    Reply
    • Anca, para que vc quer os pobres no Maracanã? Lembro que o antigo era uma mistura de presídio, latrina e olho da rua, regada a gente mal educada, com comportamento de manada. Não que hoje esteja uma maravilha, ainda há um considerável nr. de imbecis ao redor e adentrando, mas pelo menos o estádio convida o cidadão a se comportar melhor. Aquele tempo do Maraca antigo, com geral a R$ 15,00 e 100, 150, 200mil espectadores acabou! Nem os clubes querem mais isso, nem a TV, nem o estado, nem a polícia, nem a sociedade. Não se esqueça que o Barcelona coloca 100mil no seu estádio a 100 euros o ingresso lá no teto do estádio, é gente que vai ao jogo de sapato preto e terno!

      Reply
  6. Grande Kleber e amigos,
    realmente, o melhor seria o Flamengo tomar a frente da administração do Maracanã, sem parceria com outro clube. Afinal, uma administração compartilhada, vai de encontro a não ter seu “estádio”.
    Porém, mesmo que o clube consiga a administração do Maracanã, a Gávea deveria ser reformada para jogos de menor porte.
    Acredito que assim, o clube estaria realmente no patamar esperado por todos, com a administração de um grande estádio (Maracanã), com o seu estádio próprio (Gávea) e o centro de treinamento moderno (conforme as obras). Seriamos a potencia nacional novamente.
    SRN

    Reply
  7. Prezado Kléber:

    Perfeito, é isso mesmo! O Maracanã é nosso!
    Depois, formamos um time DECENTE e convidamos o BARCELONA para a partida de estréia…
    Transmissão para o mundo inteiro…
    Nossa, o arco-íris inteiro irá para a UTI..

    Reply
  8. ***************ALOOOOOOOOOOOOO MOTORISTA, DÁ UMA PARADINHA QUE EU VOU DE TÁXI **************

    Caro amigo e ilustríssimo KLEBER…..

    Vc sugere que o Flamengo pague a conta da manutenção de aproximadamente 6 meses do Maracanã sem que possamos ogar nele? Não creio !

    O Maracanã só passa a ser viável assim que for entregue. ISSO SIGNIFICA DIZER última semana de OUTUBRO.

    O q ocorre?

    Acontece que a concessionária está usando como pano de fundo de suas desculpas a entrega antecipada ao COI, e fechou as ports do Maracanã para jogos. Shows pode.

    Por outro lado o governo do estado afim de não agariar mais críticas à sua gestão afirma que não vai por um centavo no Maracanã.

    Qual é a vantagem de pegar o Maracanã, e assumir uma manutenção cara por 6, 7, 8 meses e sem poder jogar?

    Lembram da frase do Bandeira…….2017 vem aí…… pode ser essa uma jogada dele……..mas p 2017

    SRN#ABÇ

    Reply
  9. Caro Kléber! Nós somos a única porta aberta e segura para administrar o Maracanã e sozinhos! Não existe Maracanã sem o Flamengo! A hora é essa! O Mengo é o retrato do Rio! SRN

    Reply
  10. Essa coisa de fobia a pobre não é muito Flamengo, alguém acha que nossa embarcação fez “agua” na bahia de guanabara por capricho? Abraço ao ricaço Joaquim Bahia, e perdoai aqueles que não sabem o que falam.

    Joaquim Bahia foi o primeiro GOLAÇO do já constituído Flamengo e sem duvida que o naufrágio da Pherusa a nossa primeira gloria desportiva!

    A aristocrática Quintino, que não se sabe o motivo ocupa 55 IDH do RJ é o berço do nosso maior craque. Graças a Deus esse pobre e sua família tiveram a possibilidade de frequentar o Maraca e se apaixonar por nossas cores né?

    Dida um magnata de Maceio, Adilio ricaço do Leblon, Zizinho dono de São Gonçalo e tantos outros que escreveram a nossa historia, com a devida licença dos que nutrem fobia por pobres.

    Vamos caçar o feito desses pobres tbm?

    Um abraço desse pobre suburbano a todos que amam o Flamengo, sejam ricos ou pobres. Isso até hoje nunca foi problema para nós, ao contrario!

    Reply

Comente.