Pingadinhas de quinta…feira!!!

Estádio Luso Brasileiro, já utilizado pelo Flamengo em 2006.

Estádio Luso Brasileiro, já utilizado pelo Flamengo em 2006.

. Sem entrar em detalhes, dizer que, agora bem informado, posso garantir que a diretoria do Flamengo está muito além do caminho certo, não só com relação à discussão de direitos de televisão e de arena, como também na definição de sua casa, seja o Maracanã ou o estádio na Ilha. Gostaria de poder dizer mais, porém, certamente correria o risco de haver algum tipo de prejuízo para clube, o que me obriga a ficar por aqui. Como não dá para conter a alegria, que fique para vocês a certeza de que, com os objetivos alcançados, será o Flamengo, a médio prazo, referência no futebol das Américas.


. E por falar em futebol internacional, cada vez mais forte a possibilidade da FIFA organizar anualmente o Campeonato Mundial de Clubes. Isto fará com que haja uma nova profunda modificação no nosso calendário, onde – obrigatoriamente – a quantidade dará lugar à qualidade. A primeira arrumada, impreterivelmente, será nos campeonatos estaduais.


. Decisão meio estranha da direção do Atlético Mineiro, demitindo seu treinador, principalmente estando distante tão pouco tempo da difícil decisão da próxima quarta-feira. Das duas uma: ou a toalha já foi jogada e o clube já projeta 2017 ou, o ambiente do treinador junto aos jogadores era insustentável.


. E este Geromel, hein? Além de muito bom zagueiro, espírito de liderança e jogador decisivo. A arrancada dele no terceiro gol foi simplesmente sensacional.


. Neste jogo de ontem, mais uma vez ficou provado que a um jogador não basta ter talento. Inteligência, que é fundamental, passa longe do promissor atacante Pedro Rocha, autor de dois gols. Aquela estupidez, que tantos outros jogadores cometem em tirar a camisa para comemorar um gol, poderia ter custado caro para o Grêmio. Será que esta mescla de burrice e irresponsabilidade nunca vai ter fim?

1 Comentário

  1. Boa noite prezados amigos rubro-negros do blog.
    Como eu já havia dito em outro espaço, os recentes movimentos do Botafogo me surpreenderam.
    1o. deixando o caminho claramente aberto para a negociação do Flamengo com a Portuguesa em relação ao estádio Luso Brasileiro, inclusive disponibilizando equipamentos do Botafogo ao Flamengo.
    2o. a declaração da diretoria do Botafogo em abrir as portas do Engenhão aos times do Rio.
    Foram dois movimentos em sequencia, o que devemos pensar?
    1. Que a diretoria alvi-negra foi negligente, ou inapta politicamente para gerir mais longamente a situação do estádio da Portuguesa?
    2o. Que em resposta ao 1o. erro cometeu um 2o. erro ainda maior abrindo os Engenhão ao Flamengo? Visto que os dois atos ajudam em muito o Flamengo na viabilização do novo processo de licitação do Maracanã ou construção de seu próprio estádio?
    Uma vez que é notório a antipatia e antagonismo da diretoria botafoguense em relação a rubro-negra devido ao episódio Arão…
    Mas e se este antagonismo não existe mais? E se os dois clubes acertaram-se nas caladas?
    Ai sim, temos um cenário mais factível para a explicação dos recentes acontecimentos, onde a irracionalidade dos antagonismo levariam ambos os clubes a perdas irreparáveis.
    O resumo da ópera é o seguinte: Junte o estádio Luso Brasileiro e o Engenhão para grandes jogos, viabiliza-se os meios necessário para o que o Flamengo tenha um projeto de execução de construção do seu estádio em 3 ou 4 anos, ou ser licitante do Maracanã em Março.
    O caminho esta de fato bem pavimentado, como disse o nosso guru KL, entretanto há uma solução ai ventilada que não nos serve! A da CSM se tornar a única licitante do Maracanã em acordo com os clubes, comprando o concessão da Odebrecht. Isso para mim e nova exploração dos clubes disfarçada, um novo modelo exploratório Maracanã S/A, porém em outras bases.

    Reply
    • E se fumaram o cachimbo da paz, a diretoria alvi-negra fez as constas:
      – 3,5mi dos equipamentos do Luso Brasileiro
      – 3,5mi quem sabe em 10 parcelas do caso William Arão, hipoteticamente.
      – 4mi por cerca de 10 jogos do Flamengo no Engenhão no 1o. quadrante do ano.
      11mi no orçamento alvi-negro em 2016. Praticando um exercício de “achismo” e adivinhação, acho que deva ser algo desse gênero.
      SRN.

      Reply
      • Se vc levar em consideração os 36mil reais que o Botafogo paga de arrendamento mensal a Prefeitura do Rio de Janeiro pelo Engenhão, mais de 10 a 15mi de despesas de manutenção do estádio, e ainda o fato de faltarem menos de 10 anos para o fim do contrato. E ainda mais, se levarmos em consideração o baixo orçamento anual botafoguense, e o belo time que eles fizeram esse ano, é provável que o presidente botafoguense ganhe um prêmio de gestão por ai, para não falar de “prêmio milagreiro”.

        Reply
  2. Não sei porquê, mas desde que EBM entrou, anos atrás, eu tracei o segundo semestre de 2017 como a redenção do Flamengo. Acho que dai está o destaque: maior clube das Américas!

    Em relação ao Mundial de Clubes, vi que Gianni Infantino, quer aprovar em janeiro, uma “Liga dos Campeões Mundiais” de três semanas e disputada em junho de 2019 com 32 times, substituindo a Copa das Confederações de Seleções.
    Esse cara tem visão. Isso sim é Globalização no futebol.

    Apesar do torneio não ser anual, no Brasil, os estaduais poderão ser um problema, como já é pra quem disputa a Libertadores, onde eu já dei até uma sugestão de se resolver definitivamente o calendário, jogando o ano todo, em pré liminares do brasileiro, e com times até sub 23 e criar a série E do Brasileiro.

    Reply
    • Robson, “Redenção no 2o. semestre de 2017?”…Vc não não sabe o porque acredita nisso? eu tbm não!…A resposta pode estar em uma certa fábula, ou no nosso mecanismo de crenças de torcedor, do ponto de vista de que “esse ano vai”. Realisticamente, a julgar pela preparação do ano de 2016, estamos distantes disso.
      Um ponto entretanto já me parece certo! A de que o clube entra na administração EBM no “sistema de competição” que vários clubes a vários anos tem colocado em prática, o que necessariamente engloba infraestrutura de treinamento, organização hierárquica, cumprimento de contratos com pagamentos em dia e outros detalhes, e não mais nosso “antigo sistema de competição”, que era basado na mítica da camisa rubro-negra e sua torcida, mas que tinha como pano de fundo uma grande bagunça organizacional. SRN.

      Reply
      • Nino, quando citei redenção eu não especifiquei, mas falo do lado administrativo e financeiro, aquele dia em que o Flamengo irá dizer: pagamos nossa divida e estamos 1×1. Iniciamos a construção do nosso estádio.

        Certo de que há 4 anos atrás eu imaginava (e imagino) a possibilidade de um elenco muito forte em 2017, mas não acreditava que iriamos pagar um preço alto pela “falta de tato” na parte futebolística e em consequência nenhum título.

        Acho que ainda da tempo de EBM atender a torcida, pois segunda sai a enquete proposta pelo Kleber. SRN

        Reply
  3. BOM DIA PRESIDENTE. LI UMA ENTREVISTA DO NOSSO BANDEIRÃO SOBRE A SITUAÇÃO DO MÁRCIO CARAMUJO E DISCORDO TOTALMENTE DA OPINIÃO DO NOSSO PRESIDENTE. PRIMEIRO POR ENTENDER QUE ELE É IMPRESCINDÍVEL PARA A EQUIPE E SEGUNDO POR AFIRMAR QUE QUEM DEFENDE A NÃO RENOVAÇÃO DELE É UMA MINORIA DE TORCEDORES.
    ANALISAR UM JOGADOR SÓ POR ESTATÍSTICAS E RISÍVEL E INACEITÁVEL NO FUTEBOL ATUAL. SEM MENCIONAR QUE NA COMPOSIÇÃO DO TIME, ENTENDO QUE A CONTRIBUIÇÃO DO MASSARAUJO É MUITO BAIXA, UMA VEZ QUE NÃO ADIANTA SER UM GRANDE LADRÃO DE BOLAS, MAS POR OUTRO LADO, NÃO DAR ANDAMENTO E CONTINUIDADE A JOGADA. SEM FALAR NA NULA PARTICIPAÇÃO NO MOMENTO DA ARMAÇÃO OFENSIVA DO TIME. NOSSA EQUIPE PARA MUDAR DE PATAMAR PRECISA DE MAIS! NÃO ADIANTA MANTER JOGADORES LIMITADOS NO ELENCO, PODENDO DAR UM PASSO ADIANTE, DISPENSAR E IR EM BUSCA DE OUTRO OU TENTAR ENCONTRAR SOLUÇÕES NO ELENCO, POR QUE NÃO TENTAR O RONALDO, POR EXEMPLO. RENOVAR COM MÁRCIO ARAÚJO POR MAIS DOIS ANOS É BRINCAR COM A NAÇÃO! E DEIXÁ-LO COMO TITULAR ABSOLUTO É DESAFIAR A MASSA DE TORCEDORES!!! DEPOIS SEU BANDEIRA E PRINCIPALMENTE ZÉ RICARDO (QUE DEFENDO COMO O TÉCNICO DE 2017) NÃO RECLAMEM!!! FORA MÁRCIO ARAÚJO. A NAÇÃO PRECISA SER OUVIDA E RESPEITADA!

    Reply
    • NJr, existe um dito que prega que o somos aquilo que pensamos que somos, aquilo que os outros pensam que somos, e ainda que somos aquilo que realmente de fato somos! MA é um caso deste, de ser o que ele realmente é, ou seja, para esse elenco, “imprescindível”. Se outro elenco melhor aparecer, reavaliaremos a situação. SRN.

      Reply
    • ANALISAR UM JOGADOR SÓ POR ESTATÍSTICAS E RISÍVEL E INACEITÁVEL NO FUTEBOL ATUAL. SEM MENCIONAR QUE NA COMPOSIÇÃO DO TIME, ENTENDO QUE A CONTRIBUIÇÃO DO MASSARAUJO É MUITO BAIXA, UMA VEZ QUE NÃO ADIANTA SER UM GRANDE LADRÃO DE BOLAS, MAS POR OUTRO LADO, NÃO DAR ANDAMENTO E CONTINUIDADE A JOGADA. SEM FALAR NA NULA PARTICIPAÇÃO NO MOMENTO DA ARMAÇÃO OFENSIVA DO TIME. NOSSA EQUIPE PARA MUDAR DE PATAMAR PRECISA DE MAIS!

      Perfeito!

      Reply
  4. Flamengo é flamengo foguinho cheio de dívida quer deixar nós jogar lá no engenhao mas eu ainda que a intenção deles era ficar com o da portuguesa mas como a pressão seria grande porque está más de na cara que o foguinho não tem condições de gerir o engenhao .

    Reply
  5. Então amogo Nino com este pensamento fiquemos na mesmice e com os Marcios Araujo e Fernandinhos da vida. Na minha opinião não adianta batermos recordes de receitas e continuarmos a pensar pequeno, nesse compasso, mais um ano sem levantar uma taça. Só sei de uma coisa, paciência tem limites!

    Reply
  6. Kleber, começando pelo Atlético-MG, pega a entrevista do volante Rafael Carioca sobre o Marcelo Oliveira (tem gente que quer o técnico no Flamengo).

    “Alguém pensou. Difícil falar essas coisas, mas quando se tem um time desorganizado, nada vai ser feito com naturalidade. Quando você tem um time organizado, você não se desgasta muito, você corta caminho. Quando se tem um time organizado todo mundo se sobressai. O Atlético-MG está no G-4 e todo mundo questiona jogadores. É estranho. Estou contente por estar treinando novamente assim”.

    “Uma equipe que faz muitos gols, mas que sofre muitos gols, é uma equipe desequilibrada. Foi assim o ano inteiro, exceto quando tinha o Aguirre, que tínhamos uma compactação melhor. O Marcelo era o treinador e tinha que ter corrigido isso.”

    Clima bom hein!

    Sobre o estádio do Flamengo, espero que o Maracanã seja realmente do Flamengo, pois aquele estádio da Lusa carioca pertence aos anos 60, 70. Com todo o respeito, é uma pocilga e o futebol evoluiu.

    Mesmo assim, nossa diretoria merece os méritos de viabilizar uma casa alternativa, fumar o cachimbo da paz com o Botafogo e pressionar os mandatários do Maracanã.

    Para finalizar, NJr, sem as contas em dia, o Flamengo teria hoje o Valter Minhoca com a 10 ao invés do Diego. O Negreiros com 9 ao invés do Guerrero. Podes não gostar do Márcio Araújo, que também não sou fã, mas todos (repito todos) os técnicos do Flamengo o escalaram.

    Reply
  7. Eu prefiro que o Ze Ricardo continue, da mesma forma que sou favoravel ao Marcio Araujo continuar. Não vejo porque não renovar seu contrato. Sei que não é craque, mas tem sido peça fundamental no time e uma coisa tem que ser dita: Por que todos, disse todos os tecnicos o escalam e em todos os times que jogou? Sera que todos tecnicos são burros? Eu sou favoravel a contratação de um meia que chegue mais para chutar, porque o Arão mudou de uns tempos para cá, não sei se por determinação do tecnico, mas não tem sido o jogador do primeiro semestre.Queria tambem um atacante que tivesse mais força, mais rapidez para jogar com o Guerreiro. Vamos ter que dispensar uns tres ou quatro com salarios altos e que não estão dando retorno compativel com o valor do salario. Temos tambem de tentar usar mais jogadores da base.

    Reply
  8. Só comemoro se for uma Arena nova.
    No Maracanã o Flamengo será sempre um “visitante” que em NADA manda, principalmente pelo que indica ser essa parceria com a CSM.

    A Ilha é um estádio velho, só serve para ser algo provisório.

    Essas frases de que o “Flamengo será referência na América do Sul” são da mesma natureza do “O Brasil é o país do futuro”. Já escuto há anos e nunca vejo movimento nesse sentido. Só s eo futuro for em 100 ou 200 anos. hahaha

    Reply
    • Eu acredito no Fla, como disse o segundo semestre 2017, o futuro chegará. Isso é possível. Mal comparando, Barcelona e Real Madri são referências, mesmo não estando em um dos países mais ricos do bloco.

      Um dia, apesar da valorização do euro frente ao real, alcançaremos o faturamento de alguns clubes como Internazionale, Newcastle, entre outros.

      Reply
  9. Amigos respeito a opinião de todos, mas o fato de todos os técnicos escalarem o Massaraujo não significa que ele tenha que ser imprescindível e intocavel. Simplesmente as vezes não se tem opções, mas acho que hoje a diretoria tem condições, devido ao trabalho de recuperação financeira realizado, tentar um jogador mais completo e que some defensiva e ofensivamente para o time. Deixa o Massaraujo como para compor elenco, não titular absoluto e intocável.

    Reply
  10. Senhores,
    Aos defensores da permanência do Sr Marcio Araújo, por favor, apontem-me um time da Serie A, entre aqueles que nunca jogaram a serie B, que gostaria de contar com os serviços do citado profissional??? Pensar Flamengo, é pensar mais alto e além!!!

    Reply
  11. Exatamente o que penso, teremos o carioca para testar o Ronaldo que se conseguir se desenvolver e praticar o bom futebol da base, enxota o fraco e limitado Massaraujo. Flamengo precisa pensar como time grande sem preder o prumo, mas com Márcio Araújo já começa errado.

    Reply

Comente.