Faltaram, inspiração e São Judas Tadeu

(Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)

Tirando Rafael Vaz e Éverton, e aí, incluindo o treinador, a falta de inspiração foi geral. No primeiro tempo, o Flamengo só foi Flamengo nos cinco minutos finais. Não é que tenha sido inferior ao Grêmio, apenas foi aquém, muito aquém do que o torcedor esperava.

O gol do Grêmio, com todo respeito, muita sorte no bate rebate, e quando precisamos de um goleiro para pegar uma bola mais difícil, não tivemos e só teremos se alguém muito bom for contratado.

No segundo tempo, o início foi até bom, só que a sorte não ajudou, com todas as finalizações terminando em cima do jovem e bom goleiro do Grêmio.

O nosso Zé Ricardo, em noite de pouquíssima inspiração, com alterações confusas que deixaram o time completamente vulnerável. E não deu para entender como Damião não foi substituído.

Noite profundamente infeliz…

1 Comentário

  1. Vínhamos ganhando jogos na individualidade, quando pegamos um time organizado, deu nisso, deu pra ver a evolução tática do time, um bando em campo. E vamos sofrer outros baques pela frente. Ah, não temos goleiro, e o Damião não é mais jogador

    Reply
  2. Não acho q o ZR já deu, os jogadores é que não jogaram bem, o Everton Ribeiro errou tudo, o Trauco e Rodinei muito mal, Diego e Everton tentaram , mas ninguém ajudou e o chute do jogador do Grêmio dava p pegar, enfim, uma noite em q deu tudo errado!

    Reply
    • Faltou eficiência, amigo Sergio!
      Ontem atacamos muito mais que o Grêmio. Acontece, que nossos chutes foram muito “certos”. TODOS no goleiro!!!!
      Eles atacaram 3 vezes e fizeram 1, numa jogada pra lá de carambolada, em mais uma falha do goleiro das bolas fáceis.
      Como estamos falando da 13ª rodada e, uma derrota é absolutamente normal, não vejo motivos para pânico.
      Veria sim, se não tivéssemos elenco. HOJE temos…
      Zé tirou os 2 volantes e foi pro tudo ou nada. Perfeito!
      Deveria ter trabalhado melhor a bola para furar o muro do Grêmio.
      Futebol é isso! O Palmeiras chutou 17 bolas e não fez nenhum. O Corinthians, em 4 chutes, fez 2.
      O nome disso é EFICIÊNCIA!!!

      Reply
  3. Engraçado será se começarem a surgir as cornetas,agora na derrota. Sendo que muitos já explicitaram as deficiências decorrentes desse time mesmo nas vitórias(a maioria contra times ruins),fomos chamados de “falsos flamenguistas”. Alguns amigos tem dificuldade de perceberem essas deficiências,só percebem nas derrotas,vi aqui alguns amigos felizes pelo fato do time ser o líder no atributo “chuveirinho”,disseram que não importa se joga bem,o que importa são só os 3 pontos,pensamento medíocre,se usarem o bom senso vão perceber que quanto melhor o time joga,com coletivo,jogadas trabalhadas eficientes,maior é a chance de vencer e ganhar os 3 pontos. No caso,não possuímos esses atributos coletivos,mesmo assim ganha um jogo ontem,hoje já perdeu,que adianta? Digo e repito,quanto melhor o futebol de um time,maior é a perspectiva de vitória,sem precisar contar com chuveirinhos exagerados,sem contar com os lampejos individuais.

    Esse foi o 1º teste contra um time bem treinado e foi categoricamente reprovado no teste,com esse futebol até consegue algo contra os inferiores Vasco,Avaí,Sport,Goianiense,Ponte Preta,SPFC,Chapecoense que pegamos até aqui,isso não é suficiente para ser campeão,assim como em 2016,a história se repete.

    Reply
  4. Basta pegar adversários FORTES que o time empaca… Temos elenco, mas não temos TIME. E o que ganha campeonato é TIME bem formado, o que jamais tivemos.

    Para quem pensa pequeno, teremos uma boa posição no G4. Para quem pensa GRANDE, não ganharemos o TÍTULO.

    Segue resumo de jogo do G1: “Em vão: o Fla ameaçou só em chutes de fora, parados por Léo, e em cruzamentos mal aproveitados.”

    Nessa sequência difícil de 4 jogos, não passaremos de 3 pontos. Podem anotar.

    Reply
    • Meu amigo Diego!
      “Temos elenco, mas não temos TIME.”
      Sua afirmação tem sentido! Até porque, estamos armando o time com a chegada dos novos contratados e, alguns que eram banco e hoje não são mais.
      Quanto as perspectivas, penso ao contrário do amigo.
      Temos tudo para encaixar.
      Abraço

      Reply
  5. Cabeça inchada, hoje não é dia de cornetar. Mas alguém duvidava que quando o caldo esquentasse o insubstituível MA ia passocar.
    Noite complicada, difícil dormir.

    Reply
  6. Já era esperado. Flamengo só jogou contra 2 times decentes até o momento, empatou com o galo em casa e perdeu para o Grêmio…. Com esse treinador será isso ai até o final, agora tomara 2 chapuletadas, cruzeiro e Palmeiras… Campeonato já acabou em 2017. Com um treinador decente a gente ainda consegue uma pré libertadores.
    Renato Gaúcho, fica a dica para 2018.

    Reply
    • Amigo, bom dia, metemos 2 a 0 no mesmo Santos que se encontra a nossa frente neste momento, acho um belo time se compararmos o nível do campeonato, agora um time grande como o gremio veio reconhecidamente pelo seu técnico jogar na retranca e achar um gol, o que de fato ocorreu, imagine você o Flamengo jogar assim….

      SRN

      Reply
      • Como sempre, amigo Rafael, TÁ ASSINADO!!!
        Realmente o Grêmio ACHOU um gol…
        O Corinthians HOJE, não é parâmetro pra nada. Contra o mesmo Grêmio jogando no Sul, venceu por 1×0 nos mesmos moldes que o Grêmio nos venceu ontem.
        Chutamos várias bolas, TODAS no peito do goleiro. Pena que uma não pegou na orelha da bola…
        Segue o enterro, meu camarada. Ainda da tempo pra melhorar muito…

        Reply
  7. Outra coisa, esse Vizeu é horroroso. Não temos atacantes, Mas o Damião é muito menos pior que o Vizeu, que não pode ser usado nem como gandula.
    Geovanio, achei um bonde, lento, horroroso.
    Não temos goleiro, se o adversário chutar, de qualquer distância, qualquer jeito, a bola entra…

    Reply
  8. Prefiro achar que foi só uma noite infeliz. Basta
    que analisemos o número excessivo de passes errados do Diego e
    do Everton Ribeiro. No que me diz respeito a esperança permanece.

    Reply
    • “No que me diz respeito a esperança permanece”…
      Perfeito Paulo!!!
      Vamos para a 14ª rodada. Ou seja! Nem metade do campeonato…
      O entrosamento dos que chegaram, vai dar caldo.

      Reply
      • Egon, tenho uma má notícia para vc, aliás é segredo pq é contra a maré: “O CAMPEONATO PARA NÓS JÁ ACABOU”. Mas não conta para ninguém! SRN.

        Reply
        • kkkkkkkkkkkkkkkkk
          Se… o CAMPEONATO PARA NÓS JÁ ACABOU, é só fazer um festão na próxima rodada e entregar a Taça ao Corinthians, no jogo contra o Atlético PR…
          E, se acabou pra nós, estamos no bolo para alcançar o 2º lugar.
          Fora os fedorentos, TODOS estão no páreo.
          O que está acontecendo com eles, nunca aconteceu neste campeonato de pontos corridos.
          Desistir jamais, meu camaradão…

          Reply
          • Existem as estatísticas históricas de outros campeonatos pelo mundo. Há casos no francês, italiano, alemão etc…
            Em todos os casos essa diferença de pontos determinou o campeão! Parece que uma das raras situações foi justamente em 2009, com o Flamengo tirando 10 pontos do Palmeiras em 7 rodadas. SRN.

  9. O dois craques do time completamente fora do jogo,Guerreiro suspenso,fica só a impressão que o time que terminou o jogo nunva foi treinado mas que as substituições foram as corretas ninguém pode reclamar,faltou treinar com esta formação,na minha opinião é o único erro do ZR
    Ainda dá mas temos que evoluir.
    SDRN

    Reply
    • Nem fala amigo,se contentar com pouco e com um futebol quadrado,olhando apenas o resultado,isso sim é uma demonstração de mediocridade,acho que o pior não é nem isso,mas o fato da cúpula do futebol não perceber isso.

      Que continuem comemorando chuveirinhos…….
      Pois dessa forma,só com muita sorte a bola entra,e como o Kléber disse,a sorte não ajudou, time bom não precisa contar com ela,afinal,não é sempre que ela ajuda.

      Reply
  10. Adeus campeonato brasileiro! Quando as estrelas não brilham, taticamente não temos nada a apresentar. O sub estagiário não é o único culpado! EBM, está lá garantindo seu emprego e afundando o Flamengo. Talvez, quem sabe uma primeira liga ? Mas estejam certos, sempre que pegarmos um time bem armado taticamente, não teremos sucesso. Não temos técnico e a sucessão de mais resultados nos espera. Esse golerinho nunca me iludiu.
    #FORAZERICARDO

    Reply
  11. Boa noite, noite triste….time pouco inspirado, jogo fraco tecnicamente definido em falhas individuais, nosso goleiro não pega nada, infelizmente.

    Discordo profundamente em exaltar a mediocridade, esse mesmo Grêmio perdeu em casa para o “real Avaí”, agora voltou a ser um time organizado, pelo amor de Deus! Campeonato nivelado por baixo, não vi ninguém falar da arrumação time do cuca no jogo de ontem, um bando, diga-se de passagem.

    Flamengo e Grêmio estão no mesmo patamar, quando ganhamos com gol de chuveirinho é feio, quando perdemos com um gol sofrido aos trancos e barrancos este gol dé e placa? Tomamos um nó tático? Não vi nada demais no Grêmio, vi pouca inspiração do coletivo do Flamengo, inclusive do técnico, o qual defendo, mas todos nós passamos por dias infelizes e hoje nada deu certo.

    Essa síndrome de cachorro vira-lata, essa visão da grama do vizinho sempre mais verdinha, não cola…. o futebol foi medíocre, não tem nada de time mais organizado, teve um time que aproveitou sua única oportunidade.

    Paciência.

    SRN

    Reply
  12. Kleber,
    O que vimos no jogo Corinthians e Palmeiras, repetiu-se com Flamengo e Grêmio. Uma equipe com melhores jogadores e outra com um time muito superior, mais bem treinado. Cada jogador sabe exatamente o que fazer. Diferentemente do Flamengo, ontem. Éverton Ribeiro, por várias vezes, pegava na bola e não conseguia dar sequência. Diego, com muita luta, mas pouco inspirado, também se perdeu por diversas vezes.
    Zé Ricardo foi mal nas substituições. Como fez falta Guerrero! Damião e Viseu é perda de tempo. O grande problema do Fla continua sendo a falta de jogadas ensaiadas. Jogadores há, agora é com o técnico. Chega de bola alta cruzada na cabeça dos adversários.

    Reply
  13. Concordo com você Kleber leite agora não dá pra entender os amigos do blog em começa crítica o treinador e o time enfrentamos um excelente time do grêmio quem viu o jogo o time do grêmio deu dois chutes no gol e a bola não quis entra hoje é pra mim falhou o nosso goleiro a bola foi encima dele se tivesse o Cássio poderíamos ter mas ponto no campeonato e o Corinthians concerteza não teria esses pontos todo.

    Reply
  14. Boa noite,amigos.
    Não posso reclamar do empenho do time, pois isso não faltou. O grande problema, é quando nosso melhores jogadores não estão inspirados, fica realmente muito difícil vencer, diferentemente de alguns times que são mais arrumados e conseguem suprir um dia ruim de seus principais jogadores.
    Não entendi muito a entrada de Geuvânio, que acabou de chegar e não tem o mínimo entrosamento com o grupo. Acho que seria melhor ter tentado o Berrio que já está acostumado com o grupo. Sei que agora é fácil falar, mas como comentarista (kkk) temos que tecer comentários após o ocorrido. Tentamos um 424 no final já na base do desespero, mas praticamente não tivemos grandes chances.
    Uma coisa que notei, foram as péssimas cobranças de escanteio feitas por Diego.
    O Corinthians já está botando uns dedinhos na taça, mas enquanto existir esperança, vamos lutar.
    SRN.

    Reply
  15. Resultado absolutamente normal em uma noite em que o time não foi feliz nas finalizações. Gostei bastante da postura do time, principalmente depois que tomou o gol. Achei arrojadas as substituições do ZR. Nota negativa de fato foi LD, lamentável, não tem nível para jogar nesse time. SRN.

    Reply
    • Concordo muito com o amigo!
      A vassoura LD com certeza é banco no Íbis…
      Noite complicada pelo muro construído pelo Grêmio e, as atuações pífias dos nossos melhores jogadores.
      Nossa 2ª derrota em 13 jogos.
      Estamos carentes da eficiência do Corinthians. Se bem, que tudo está dando certo para os Gambás. Atacam 3 fazem 2…

      Reply
  16. Continua a sina desde o ano passado, o fraquíssimo Márcio Araújo errando e dando gols nos jogos mais importantes e Zé Ricardo escalando mal e substituindo pior ainda!

    Reply
  17. TEM GENTE QUE SE DEIXOU ILUDIR,BEM QUE EU AVISEI,FUI CHAMADO DE FALSO FLAMENGUISTA……… KKKKKK

    Vitória merecida do Grêmio,que se tivesse um pouco mais de ousadia faria mais. O time Gaúcho chegou,para enfrentar o Fla invicto em seus domínios e deu a bola para o Fla, _Vamos lá Flamengo,me mostre seu jogo e do que é capaz de fazer em seu domínio e com seus craques. O Fla pegou a bola e se furtou a tocar,tocar,tocar, com os jogadores sem a mínima movimentação tática,foi obrigado a abusar de ligações diretas,chutões e os velhos chuveirinhos,sem jogadas trabalhadas,ficava esperando algo de diferente,na esperança de surgir o lampejo do talento individual de Diego ou Ribeiro,que já resolveram muito contra meia dúzia de times limitados,NADA,30 minutos e o Grêmio na sua 2ª oportunidade foi lá e matou,algo que 50 chuveirinhos do Fla não foram capazes. O Grêmio nem precisou mostrar o bom futebol que demonstrou até aqui,deu a bola para o Fla,que sem repertório treinado mandava cruzamentos,ligações diretas e esperava o talento resolver sozinho,aliás,isso é dominar um jogo? Pois os jogadores saíram dizendo que sim,ora,qualquer um quer ser dominado dessa maneira. No final,vitória gaúcha merecida que com o possante Fernandinho,Jailson e um goleiro reserva bateu um elenco cheio de estrelas em seus domínios,mas vazio de coletivo,e futebol é um esporte coletivo,esqueceram?

    Além do repetitivo erro em se manter Damião como titular na ausência de Guerrero,ao invés de Vizeu,houve a errada entrada de Geuvânio,que não joga desde maio,notadamente sem ritmo,foi colocado logo num jogo desse? Resultado: Como o time não constrói NADA,continuou mandando as tijoladas pra frente,que Guerrero dominava,com Damião o tijolo bate e volta, as substituições empilharam atacantes e pontas,para na base do bumba meu boi sair algo,pareceu o Cuca no derby paulista,claro que não ia dar em nada,foi uma bagunça, Ribeiro e Vizeu defendendo,Araújo atacando e cruzamentos mil,um bando.Não é possível que não se treine UMA jogada ensaiada como opção para os zilhões de cruzamentos altos nas faltas nas laterais do campo, ninguém encosta pra oferecer opção e fazer uma jogada com quem tem a bola.

    Grêmio restabelece a verdade do campeonato. Hoje é mais time que o Flamengo,o único com futebol capaz de ameaçar o Corinthians,mas vai focar na Libertadores,portanto, CORINTHIANS HEPTACAMPEÃO,podem anotar,merece,outro sem estrelas,mas com um treinador capaz de dar coletividade eficiente e mortal.

    Reply
  18. A realidade é uma só. O Grêmio além de ser um bom time, veio nitidamente com uma proposta de não perder e se possível empatar. Passou a maior parte do jogo com dez na defesa. Fizeram um gol de pura sorte, com um “passe” do Trauco para o Luan. Tiveram pouquíssimas chances e todas graças a alguns erros, principalmente do Diego e do Trauco. Depois o time foi para cima no bola ou búlica, deixando brechas para contra-ataques. Além disso tudo, os principais jogadores não jogaram absolutamente nada.
    Discordo do Kleber quando diz que o Zé Ricardo fez alterações confusas e que deveria ter tirado o Damião. Colocar quem? Felipe Vizeu?
    A verdade é que não temos nenhum Centroavante que substitua o Guerrero a altura e também não temos um goleiro que dê confiança ao time.
    Estamos pagando pelas péssimo planejamento que foi feito na montagem desse time. Agora, com as novas contratações que foram feitas e até esse time adquirir conjunto, infelizmente, não acredito que iremos disputar esse título, principalmente, com a diferença que o Corinthians conseguiu.
    É só perder que os cornetas aparecem. Que culpa tem o treinador se os principais jogadores não estavam “inspirados” (não jogaram absolutamente nada, nada mesmo!), com exceção do Rafael Vaz, Rever e do Everton.
    Não merecíamos perder. Um empate seria o resultado mais correto para o que foi a partida ou será que vi outro jogo?

    Reply
    • O próprio Renato declarou que jogaram feio, fechados e esperando uma bola para decidir. Se jogar contra time pequeno fechado na defesa já é difícil, contra time de qualidade como o Grêmio, fica muito mais.

      Reply
      • Luiz, mas não é que o Grêmio entrou em campo já fechado não, ao contrário, eles estavam saindo para o jogo, mas com o gol passaram a ditar o jogo que lhes interessavam, ou seja, segurar o resultado, NÓS NEM DE LONGE IMAGINARÍAMOS O ZR FAZENDO ISSO NÉ? SRN.

        Reply
        • Meu amigo Nino!
          O empate contra o Flamengo, na fase boa que estamos, seria tudo de bom pro marrento. Já saiu do Sul pensando nessa bola…
          Da mesma forma que o Corinthians saiu de SP pensando na mesma bola contra eles.
          Resultado absolutamente normal para quem soube do resultado sem ver o jogo.
          Mas a realidade não mostrou isso. Chutamos 16 vezes! Pra fora e no peito do goleiro. Na conhecida bola vadia, resolveram o jogo.

          Reply
  19. Caro Kleber e amigos!
    Hoje não era o dia. Poderia até se jogar mais noventa minutos que nada daria certo. Percebi no inicio da partida pelo excesso de erros de passes dos jogadores, pela noite infeliz do Everton Ribeiro e Diego, mais ainda, pela péssima partida que o Marcio Araújo começava a fazer, que hoje, decididamente não era o dia. Perdemos numa combinação de fatalidades, ou seja, bola não cortada, bola que bateu e voltou e gol em que o nosso goleiro talvez não estivesse tão atento. Afora isso, o que o Grêmio fez foi obter mais alguns lances em cima do nosso desespero, o que é normal. Não vou criticar o ZR, porém no jogo de hoje, caberia o Berrio no segundo tempo. Concordo quando o Kleber cita o Everton e o Vaz. Acho que foram os únicos que conseguiram se salvar.
    O time não foi bem e sem dúvidas, a ausência do nosso Guerrero fazendo aquele belo pivô fez muita falta.
    Independente do jogo e como já citei em outro post, o amadurecimento do Renato Gaúcho me espanta. Aparenta tranquilidade e domínio das ações ao mesmo tempo. Imagino que certamente um dia treinará o Flamengo, que é um dos seus desejos.
    É isso ai. Como desespero em nada contribui, é dormir em paz e seguir adiante, lembrando que desde o inicio do campeonato que o Grêmio está no páreo. Não era para perder, mas, não considero que seja para jogar ainda a toalha. Futebol muitas vezes nos prega algumas peças e em 2009, ficamos com 14 pontos atrás do líder até chegar ao título.

    SRN

    Reply
  20. Um grande time se faz com Talento , tática e RAÇA. Evidente que o Flamengo tem jogadores de talento, como DIego , Evertons e Guerrero, e as vezes, o time apresenta um padrão tático, porém esse grupo do Flamengo não será um grande time pois falta o elemento RAÇA, que como um rio , tem em seus afluentes a vontade de vencer, entrega em campo e indignação com as derrotas , situações que esse grupo do Flamengo não tem ! Quem assiste aos jogos do Corinthians e Botafogo fica com inveja, não por serem grandes times , mas pela RAÇA que esses times tem. É óbvio que a falta de RAÇA do nosso time está diretamente ligado ao omisso e passivo departamento de futebol, recheados de “marajás e almofadinhas”…E.Banana de Mello é o retrato da passividade…
    Quanto ao jogo , com exceções de Rever,R.Vazco, Everton e Cuellar , o resto “andou” em campo… e como agravantes tenebrosos: L.Damião, Ruimdinei e Trauco…horríveis! Pra completar a noite, Z.Ricardo conseguiu errar nas 03 substituições….
    Fora R.Caetano !

    Reply
  21. Zé Ricardo tentou de tudo e não vejo 1% de culpa dele no resultado. Flamengo atacou pelo meio, ponta, velocidade, bola parada, jogada de pivô, chute de longa distância e não teve jeito.

    Poderia jogar até amanhã que não faria o gol.

    É levantar a cabeça e seguir em frente.

    Reply
  22. Acho que o Tiago não teve culpa no gol, quem na realidade falhou foi o Márcio Araujo perder a dividida com Luan e ainda atrapalhou o Cuellar que estava na jogada. Desculpem-me mas Everton um grande ciscador e Vaz outro que nos mata do coração. Diego hoje estava irreconhecível e ZR não teve peito de tira-lo. Nossa tática é a mesma todos os jogos. Assim mesmo com esse elenco não iremos a lugar nenhum. A diretoria está custando a tomar a medida que a torcida em sua maioria está pedindo mandar embora o ZR. Veja o que Luxa está fazendo no Sport. Marcelo Oliveira estilo Tele Santana está no mercado.

    Reply
    • Verdade José Henrique, MA tomou uma caneta e a seguir o Cuellar rebateu a bola em tabelinha nos pés do Luan, que aliás chutou de bico sem defesa para o Thiago.

      Reply
    • Meu amigo José!
      Pelo menos 3 jogadores perderam a dividida com Luan!
      Mas na minha opinião, o pior foi o Trauco que foi com a perna esquerda quando deveria ter ido com a direita. Pra piorar, ainda foi o último que poderia cortar o chute.
      Quanto ao Marcelo Oliveira, leia-se Alexandre Mattos…
      Depois que saiu do Cruzeiro, perdeu tudo no Palmeiras e Galo.
      Sem falar no fiasco absurdo quando no Vasco.
      Ótima pessoa e caráter, mas muito distante de ser um bom técnico.

      Reply
  23. Fui ao estádio pela primeira vez na Ilha.
    Estádio bem cuidado e organizado e bonito também,mais achei acanhado para um Flamengo e a acústica ruim….o que dificulta um sincronismo de música por todo estádio,e como faz falta a torcida Raça Rubro Negra.
    Em relação ao jogo perdemos para um time que contou com a sorte e achou um gol e simplesmente se defendeu com dez na defesa.
    Agora é evidente que teremos dificuldade para vencer um time organizado ,ora bolas isso é fato bem como qualquer time terá dificuldade de nos vencer.
    Agora o mesmo Gremio que ganhou da gente perdeu para o Avaí em casa.
    Evidente que hj não tivemos numa noite boa e os nossos destaque não funcionaram,mérito do Grêmio que marcou muito(Como joga esse Jeromel) e (como facilita as coisas esse Damião)
    Agora como assim criticar o Ze Ricardo?o cara termina o jogo sem cabeça de área,coloca um companheiro de ataque para o horrorozo Damião,tudo bem que entrou o Ainda mais horroroso Viseu,mais o Ze hj faz de tudo para ganhar o jogo,concordo que fiquei receoso,com a saída do Marcio Araújo,na minha opinião deveria sair o Cuellar.
    O futebol hj é isso o favorito jogando em casa e tendo que propor o jogo enfrenta um adversário que vem com a proposta de contra ataque,se toma um gol complica pois o adversário se fecha e dificulta ainda mais as coisas,e foi o que aconteceu hj.
    Perdemos para um bom time como podemos ganhar deles no segundo turno também .
    Para quem acreditou que estaríamos eliminado em algumas rodadas do Brasileiro….estamos indo bem.
    Agora é o seguinte,como uma derrota do Flamengo ressuscita defunto aqui no blog heim!!

    Reply
    • Grande amigo Vili!
      “Agora é o seguinte,como uma derrota do Flamengo ressuscita defunto aqui no blog heim!!” kkkkkkkkkkk
      Hoje é o dia perfeito para: “não falei”… “eu já sabia”… Venho falando”…
      Cornetam nas vitórias, por mais óbvias que elas sejam, imagina nas derrotas!!!
      O Grêmio se defendeu 90 minutos, perderam 1 gol por um “deixa que é minha” entre Vaz e Diego e, acharam um gol em 3 caramboladas da nossa defesa…
      Antes, “falavam” de Palmeiras do Cucabol, Fluminense do gênio Abel… e, até mesmo da posição do Botafogo quanto ao custo benefício.
      Agora só sobrou o Corinthians como exemplo. Dizem até, que é um timinho bem treinado e sem nenhum destaque.
      Pois bem! Numa eleição da Fox (Expediente Futebol), entre os times do Palmeias e do Corinthians, os Gambás venceram por 8×3…
      Esquecem que mesmo montando o time dentro da competição, depois do líder, temos apenas 2 derrotas no Brasileiro.
      Segue o enterro, meu amigo…

      Reply
      • Perfeito Grande Egon!!
        Tirei a quarta para assistir Palmeiras e Corinthians e a quantidade de bola levantada para área pelo palmeiras através de chutes e até laterais é impressionante,mais como vc mencionou é o Cuca e o poderoso Galo?
        Realmente sobrou o Corinthians,que diga se de passagem está com o aproveitamento de coisa sobrenatural.
        Agora eu devo assistir a um jogo diferente pois não sonzinho ver o Vaz e Marcio Araújo como esse patinho feio todo,o Vaz na minha visão é titular impressionante como no sufoco ele sempre acha um jeito de sair jogando,e Marcio Araújo não temos nenhum no elenco com sua característica de recomposição.
        Ze Ricardo ontem foi audacioso queria ver se fosse o Cuca que terminasse o jogo sem cabeça de área como todos estariam exaltando ele,essa implicância pelo estagiário é pessoal.
        Vejo perspectiva para nosso time que aliás está encaixando.

        Reply
  24. Caríssimo presidente,
    É incrível como simplesmente TODOS os times jogam numa retranca danada contra o Flamengo. Jogam como se times pequenos fossem, por aquela já famosa “uma bola”. Foi assim com o vasco que, mesmo em casa, montou um ferrolho. Foi assim ontem também. A diferença foi que, numa única oportunidade criada mais ao acaso do que qualquer outro fator, o Grêmio acabou achando o seu gol. Só isso! O time, se não foi brilhante, também não foi mal. Zé Ricardo, fez o que tinha que fazer e foi extremamente ousado nas substituições. Interessante é que muitos de nós, corneteiros de carteirinha, que não perdemos uma oportunidade de pedir a cabeça do técnico sempre que há um tropeço, insistimos em não fazer nosso dever de casa. O site globoesporte.com frequentemente transmite jogos-treinos ao vivo. É só assistir pra concluir que o técnico de fato vem dando oportunidades àqueles jogadores que mais se destacam. Ou então, por que não atentarmos um pouco mais para os números do Zé, que são excelentes? Por que não considerarmos também a opinião dos verdadeiros profissionais? Aí vai só uma sugestão: clique no link abaixo, onde se pode ver que o nosso treinador, por conta dos números que apresenta, já começa a ganhar reconhecimento até mesmo da imprensa especializada internacional. Só não ver quem não quer ou quem está mais interessado em promover o caos.
    SRN sempre!

    https://www.google.com.br/amp/s/extra.globo.com/esporte/flamengo/ze-ricardo-do-flamengo-esta-no-top-10-de-melhores-tecnicos-do-mundo-em-lista-21585515.html%3Fversao%3Damp

    Reply
  25. Zero de culpa pro zr. Fez de tudo pra mudar o resultado. Tivesse trocado 6 por meia dúzia a galera aqui queria o fígado do rapaz. Assumam logo que é pessoal! E nada está perdido! Vamos, Flamengo! P.S: Renovem logo com o guerrero! Damião triste!!!!

    Reply
  26. Discordo caro Kleber.

    Zé Ricardo ontem está 100% absolvido de qualquer culpa.

    Por acaso errou na escalação? Não!

    Escalou os melhores em cada posição. Jogaram ontem nossos 11 titulares.

    O Flamengo criou, teve postura, foi competitivo, mas errou feio em todos os chutes a gol. Quase todos com defesas relativamente fáceis para o goleiro do Grêmio.

    E por acaso quando o atacante está à frente do gol e perde, a culpa é do técnico? Não.

    Diego, Everton Ribeiro e Everton realmente não estavam inspirados. Principalmente depois do gol do Grêmio.

    Ainda que as substituições não tenham surtido o efeito esperado, gostei muito pela ousadia de terminar o jogo sem volantes.

    O trabalho de recuperação está ótimo. Vamos buscar outra sequencia igual a esta e continuar sempre brigando pelas melhores posições.

    Reply
    • “Ainda que as substituições não tenham surtido o efeito esperado, gostei muito pela ousadia de terminar o jogo sem volantes.”

      Terminar o jogo sem volantes não foi ousadia, em minha opinião, foi burrice. O time perdeu completamente o meio de campo, não havia nenhum esquema. #ForaZéRicardo

      Reply
  27. A este Flamengo, paixão que nos consome! No meu caso, acordado prematuramente, desde o meio da madrugada, vendo e revendo o jogo de ontem, com a cabeça no travesseiro, o que me impediu de retornar ao sono. Isto tudo, tentando entender o que de fato aconteceu que, na minha modesta opinião foi mais ou menos o seguinte.
    Primeiro, não era o dia do Flamengo. Tivemos sinais claros deste problema que, vez em quando acontece no futebol, que nada mais é do que um (apaixonante) jogo. Por exemplo, na jogada mais bonita da noite – depois de mais uma péssima cobrança de falta do Diego, que, nestes casos, não consegue alçar bolas altas na área que tragam perigo para o adversário, e aí, é falta de treinamento -, o nosso Trauco, em ímpeto dos Deuses da bola, rompe a defesa do Grêmio, não tomando conhecimento de dois ou três adversários, e arremata um belíssimo chute de canhota, qual um Rivelino, que passa a um ou dois palmos acima de onde a coruja dorme. Merecia o gol, mas aquilo foi o primeiro (mau) sinal. Outras chances tivemos, não muitas, como o chute frontal do Everton 7, em rebote da zaga, que caprichosamente foi na direção de onde o goleiro estava. Um metro para a direita ou esquerda e estaríamos comemorando até agora. Já no segundo tempo, na única vez em que nossas insistentes jogadas aéreas produziram efeito, o nosso Rafael Vaz cabeceou sozinho, de frente para o gol e para o chão, seguindo a cartilha que o Dionísio (bode atômico) nos ensinou, proporcionando bela defesa do jovem goleiro adversário. Se ele cabeceia para o chão dois metros à frente, nem dois goleiros conseguiriam pegar. E que dizer do gol do Grêmio. Bola devolvida pelo goleirinho, num chutão para o alto, a esmo, e o nosso zagueiro, Rafael Vaz, cometeu um erro primário e capital. Foi atacar a bola próximo à linha lateral, na nossa intermediária, e errou o tempo “furando a cabeçada”. Pior, ficou parado, sem tentar voltar a sua posição. Ali, era bola para ser disputada por algum volante, pelo lateral esquerdo, ou até o Éverton, nunca pelo zagueiro. Erro de posicionamento básico, o que, também, indica falta de treinamento e orientação. Em seguida a bola chega ao ótimo Luan, que, sem tentar o drible, consegue se desfazer de uma vez só de nossos dois volantes, que bateram cabeça, e ainda por cima consegue uma tabela, de fazer inveja a dupla Coutinho e Pelé, com nosso Trauco. A finalização foi próxima à marca do pênalti, sem chance de defesa para o nosso goleirinho, na minha forma de ver. Estava sacramentado que teríamos uma noite inglória!
    Mas, além disso, tivemos pouco tempo de real domínio do jogo: nos 10 minutos finais do 1º tempo e nos 15 iniciais do 2º. Fora daí, muita posse de bola em passes laterais e insistentes chuveirinhos improdutivos, contra um adversário muito fechado na defesa e com ótimos cabeceadores.
    Em sequência, a falta de visão e definição do comando técnico. Estava claro para todo mundo que só a vitória nos interessava. Mas quem comanda, descobriu o óbvio somente aos 15 minutos do segundo tempo, quando fez a primeira substituição, sacando o MA. No caso, das duas, uma: ou escalou mal no início, ou fez a substituição errada. Se ele entende que o MA é inútil para apoiar o ataque e criar jogadas, escalou mal o time. Se, ao contrário, o acha peça indispensável para o equilíbrio do time, substituiu mal. Quem esteve em noite sem inspiração foram nossos dois armadores: Diego e Éverton 7. Este último, inclusive, dando sinais claros de falta de condicionamento, de falta de vigor físico e de falta de velocidade. Houve um lance no 2º tempo em que o outro Éverton, ainda no campo do Flamengo, tocou a bola pelo alto e de primeira para ele (o E7), que estava dois metros à frente, mas não conseguiu chegar na bola. Com mais vigor, o Éverton menos badalado conseguiu chegar primeiro na bola, recebendo seu próprio passe, e fazer bela jogada até entregar ao horroroso Damião, enquanto o E7 a tudo assistia parado. Quem deveria ter sido substituído, claramente, era o E7, para melhorar o poderio ofensivo, ou será que faz parte do seu contrato jogar os 90’? E por que Geovânio, totalmente desentrosado e fora de forma física? Nos últimos jogos, o colombiano Berrio não vinha se apresentando bem? E o Vini, que pelo que observei, nem no banco de reservas estava? Não seria um jogo para um dos dois, ou até para ambos? Precisávamos da vitória, jogando contra um time fechado e um drible e a velocidade, características dos nossos dois atacantes, poderiam ter sido decisivos para o resultado final. Mas, não! Mantivemos o poste Damião e, pior, colocamos também o Vizeu. Ficaram dois postes a esperar bolas altas na área. Onde estão a meritocracia e o critério?
    Em resumo, péssimo resultado, noite mal dormida e ainda por cima tendo como próximo adversário, fora, o Cruzeiro, que vem subindo de produção a cada jogo. Ainda não conseguimos formar um time e, em consequência, continuamos jogando mal. Será falta de sorte, cansaço de São Judas, ou comando técnico duvidoso? SRN

    Reply
  28. Caro Kleber, o Zé Ricardo é um bom técnico , ele só é seletivo pra se enrolar e perder jogos, só quando é pra valer que ele falha .

    Reply
    • Bom dia, Pedro Cesar e amigos!
      Exatamente isto, quando o jogo é pra valer, o time está numa “noite
      infeliz”. Vide Católica, San Lorenzo, Cap, Grêmio… Haja paciência!
      E não critique o grande Zé, porque dá até morte. SRN

      Reply
  29. Kleber,
    Como já disse diversas vezes, NÃO TEMOS TÉCNICO !!!

    Há um ano no Flamengo o “grande Zé” não consegue montar um TIME, simples assim não temos conjunto, não temos jogadas ensaiadas, triangulações, infiltrações, modelo de jogo eficiente.
    Somo um time frágil em seu meio de campo, com péssima transição defensiva, principalmente em função da fragilidade técnica do Márcio Araújo, com um Diego muito sobrecarregado na função defensiva e vejam, a cada dia que passa o Diego joga pior, pelo simples fato de que não consegue manter um ritmo físico que suporte sua função defensiva tendo ainda que ser o criador das jogadas pelo centro.
    Sempre que jogarmos contra times como o Grêmio, Corinthians ou o Botafogo por exemplo, dificilmente ganharemos, pois são times que povoam o meio de campo, têm bom senso de marcação e jogam por poucas oportunidades através de contra-ataques, com isso como não temos um time bem treinado, com jogadas ofensivas e transição defensiva rápida, só utilizamos uma única forma forma para atacar que são OS CHUVEIRINHOS, ou seja basta que o adversário tenha dois bons rebatedores de bolas altas na zaga para que dificilmente consigamos levar algum perigo, como aconteceu no jogo de ontem…

    Para finalizar, algumas dúvidas:
    > Até quando vamos ter que aturar o péssimo Márcio Araújo ???
    Jogamos com menos um no meio de campo…

    > Porquê o “grande Zé” insiste tanto com o péssimo Leandro Damião (no sentido mais amplo da palavra, um poste)???
    Mantê-lo no jogo de ontem por todo o tempo foi um dos sinais do quanto o “grande Zé” enxerga pouco o jogo…

    > Onde estão os que acham que o Guerrero ganha muito, que não faz falta??? Num time que não tem jogadas ensaiadas, não tem jogo coletivo no ataque, ter um centro avante como o Guerrero garante que a bola fique no ataque para que o time consiga chegar na frente, simples assim…

    > Até quando vamos ficar sem goleiro???
    Com todas as suas deficiências, continuo afirmando que o Muralha é muito melhor que o Thiago, só o “grande Zé” não vê isso…

    > Será que o “grande Zé” acha que ter muito atacantes no time o torna mais ofensivo???
    Ontem quando ele fez as mudanças no 2o tempo, colocando o time cheio de atacantes, retirando os dois volantes, simplesmente ele acabou com a saída de bola, acabou com o meio de campo, viramos um time de várzea, que tem defesa e ataque, para o Grêmio foi ótimo, deixamos de pressionar e demos mais espaços para que eles segurassem a bola no meio, ou seja paramos de criar oportunidades e claro, perdemos mais um jogo…

    SEM TÉCNICO NÃO GANHAREMOS NENHUM CAMPEONATO DE EXPRESSÃO, NEM COM UM TIME RECHEADO DE BONS JOGADORES COMO JÁ TEMOS, FORA OS QUE AINDA ESTÃO POR CHEGAR….
    É UMA PENA, TANTO INVESTIMENTO, TANTO DINHEIRO JOGADO FORA…

    SRN

    Reply
  30. Salve o Corinthians… Um time mediano, mas um técnico que faz a diferença!ENQUANTO É TEMPO PARA SE GANHAR ALGUMA COISA DE PEQUENA EXPRESSÃO SÓ UMA SOLUÇÃO :
    #FORAZERICARDO

    Reply
  31. Noite infeliz acontece, realmente… E acontece mais ainda quando não há organização.
    Agora, onde está a noite infeliz do Corinthians? Eles tem “apenas” 11 vitorias e 2 empates em 13 jogos. Ainda há alguma dúvida da diferença entre Fla e Corinthians? O Carile vem sendo brilhante e aparenta tirar, no mínimo, 90 por cento do que o elenco pode dar.
    Já o nosso treinador, coitado, não consegue dar padrão e regularidade ao nosso elenco que, sem duvidas, pode entregar muito mais!
    É inaceitável o que está acontecendo, não falo apenas pela derrota, mas pela falta de padrão e organização, que vence através de brilharecos dos ótimos jogadores que temos. Quem vai bater na mesa e cobrar?
    O Corinthians não deve manter esse gás até o fim, problema é o Flamengo encaixar o jogo pra se aproximar e passar.

    Reply
  32. Amigos,o resultado não foi justo.Pela expressão fisionômica do Renato via-se que o time gremista corria riscos.O empate ficaria no tamanho justo.
    O Grêmio veio pra não perder.Abusou de faltas sucessivas sôbre Diego e Everton Ribeiro,justamente os criadores das jogadas,Cortez de cara tentou intimidar Everton Ribeiro,com empurrões visando reação e cartões amarelos,fizeram mais faltas que o FLA.Retranca !!!
    O goleiro adversário trabalhou mais do que o nosso.Houve bola no travessão,que acordou tôdas as corujas !.
    O gol que sofremos foi produto de falhas em sequência;na lateral acho que Everton não alcançou na cabeça a bola que quicou antes,Marcio Araujo passou pela bola,a cobertura não chegou;Trauco deu o passe para Luan que finalizou.
    È claro que tentamos reverter o placar.Mas com a inutilidade de LA,ficamos com um jogador a menos.
    Diego,ER7 lentos demais,conduzindo a bola em vez de passar rapidamente.
    Mas,vamos em frente !!!
    SRN.

    Reply
  33. Confesso que depois de ler todos os comentários aqui no blog, não tem como deixar de concordar com alguns gestos, atitudes e frases de bandeira de Melo.

    Não tem uma semana ainda, da vergonha testemunhada dentro de São Januário, e que por aqui, foi criticado por todos, e vemos aqui comentários que vão muito além da crítica.

    Aflora-se uma raiva, um ódio que definitivamente a mim assusta.

    Assusta porque as pessoas querem um imediatismo e uma perfeição dentro do futebol as quais não conseguem desenvolver em suas vidas pessoais. Pegam todas as suas frustrações pessoais e despejam em seus times de coração.

    As pessoas têm preguiça excessiva em ler, em aprender, em aprender e entender, em desenvolver conteúdo e consequentemente de entender o atual momento do Flamengo.

    O FLAMENGO PASSA POR UM MOMENTO DE TRANSIÇÃO.

    “A Transição é o movimento consciente e motivado de passagem entre a situação atual e o futuro ideal que ambicionamos”

    Toda transição para ser bem-sucedida há que ser lenta, árdua, estudada, amparada, assistida, minuciosa e claro que demanda tempo.

    Saímos do caos, do limbo, das trevas, e não esperem que cheguemos ao céu em um estalar de dedos.

    O Flamengo está sim trocando os quatro pneus e com o carro em movimento. Mas não há Cristo que faça com que as pessoas entendam isso.

    Qualquer resultado negativo dentro de campo, é motivo para #forazéricardo, #forarodrigocaetano, #forabandeira, #foratudo.
    Isso é um tiro no saco! Tenho que concordar com o amigo Vili Ribeiro, quando o Flamengo perde há sempre uns fantasmas que aparecem pregando o apocalipse.

    A diretoria está contratando jogadores de excelente nível não só para ganhar o título desse ano. Mas para disputar no mínimo e bem, as temporadas de 2018 e 2019. Jogadores que chegam com contratos de 2, 3 ou 4 anos.

    As pessoas acham que o fato de vender o Vinícius Junior por 160 milhões de reais, tem que aportar tudo dentro do futebol.

    Não tem que pagar a dívida que TODOS os ex presidentes contribuíram. Não tem que investir na Gávea. No CT, na base ou por exemplo nos esportes olímpicos.

    PELO AMOR DE DEUS! VAMOS ENXERGAR O FUTURO.

    As pessoas esquecem que o Flamengo é um clube. Não é, e nunca foi só um time de futebol. É também.

    Temos tantas coisas para comemorar e que deveriam dar muito orgulho a todo rubro negro, mas algumas almas infelizes, não conseguem ver nada além de um palmo frente aos seus narizes.

    A cultura hoje é: “ Perdeu….FU$%¨&*…..pau no gato.

    Só que essas mesmas pessoas esquecem que o gato é nosso e tem 40 milhões de donos.

    Estamos ainda muito longe da perfeição, se é que exista. Ajude mais e critique menos. Ou odeie menos e proponha mais. Vá para a porta do CT e levante sua faixa de protesto e apresente as melhores soluções das quais as pessoas que lá trabalhem ainda não pensaram.

    Faça sua parte ao preferir só apontar os erros.

    Vá para a sua rede social apresente suas ideias e marque todos os vice-presidentes. Faça chegar sua contribuição.

    Se informe o que é FLAMENGO. Entenda de uma vez por todas o atual momento que estamos passando. Enxergue o Flamengo no macro e não só pensando em resultados efêmeros. Aprenda Flamengo.

    Uma derrota dentro de campo, seja em que circunstância for, não pode destruir uma estrada.

    Para terminar e tentar fazer com que as pessoas entendam vou fazer duas analogias.

    1 – Tal como a atual campanha do Corinthians no brasileirão, com um excelente aproveitamento, é a nossa atual diretoria. São 90% de aproveitamento de ambos.

    Essa diretoria acredita que montando uma estrutura de ponta dentro de um índice de acerto e aproveitamento de 90% vai conseguir colocar o Flamengo no mesmo patamar que outrora na década de 90 foi o São Paulo, quando entrava em todas as competições como favorito legítimo aos títulos.

    Financeiramente, ainda que a nossa dívida fosse monstruosa e até certo ponto impagável, estamos muito melhor que esportivamente. É fato. Mas o momento esportivo vai chegar ao mesmo nível do financeiro. EU ACREDITO. A DIRETORIA ACREDITA. O MERCADO ACREDITA. OS JOGADORES ACREDITAM.

    Alexandre Kallil profetizou esse momento em 2014. “Se arrumarem o Flamengo, acabou o futebol brasileiro. Fecha tudo e vamos embora”

    Kallil não é profeta. É só um dirigente que sabe que o Flamengo arrumado, tende a ser imbatível.

    2 – Essa estrutura que a diretoria almeja, que por exemplo foi o São Paulo da década de 90, há que vir, sem os erros cometidos no passado pelo próprio São Paulo, e principalmente com as ferramentas que temos hoje em mãos. É essa sintonia fina de saber o que já deu muito certo, e o que já deu muito errado que demanda tempo. Demanda precisão cirúrgica.

    CRÍTICAS SÃO SEMPRE,SEMPRE,SEMPRE BEM VINDAS.

    Mas ajude apontando o caminho certo, dando sugestões, analisando, colocando novas pautas, nonos assuntos, novos métodos,novas experiencias . Isso ajuda mais !!!

    Reply
    • Parei em “O FLAMENGO PASSA POR UM MOMENTO DE TRANSIÇÃO.”

      É o segundo mandato do EBM, e segundo ano de comando do Zé Ricardo à frente do time. Que transição é essa, cara pálida? Ficaremos em transição até sermos eliminados de todos os campeonatos?
      Você mesmo postou outro dia que a folha do Flamengo é de mais de 100 milhões ano. É a mais absoluta VERGONHA termos desempenhos pífios como os que estamos tendo com uma folha dessas. Somos motivo de chacota. Enquanto isso, O Botinha, com folha de 3 milhões/mês, ou 36 milhões/ano, ou UM TERÇO DA NOSSA FOLHA, está TIRANDO ONDA DA NOSSA CARA NA LIBERTADORES. Se você fica feliz com isso, caro Anderson, você não é torcedor do Flamengo. Você é torcedor de dirigente. Você torce para o EBM acima de sua torcida pelo Rubro-Negro.
      Você critica dirigentes passados, mas nunca se teve tanto dinheiro como agora, o futebol mudou muito, valorizou-se demais. Com a folha atual – só a folha – em três anos se paga a dívida que temos, situação inimaginável no passado.
      Para de torcer para dirigente e torce por resultados de nosso time. ACORDA ANDERSON!!!

      Reply
      • Vergonha pra quem Pedro?

        Um clube que passou ao menos 30 anos devendo a tudo e a todos, ter uma folha desse porte e não dever ninguém a mim é orgulho.

        Agora para você que só enxerga resultado dentro de campo, e com visão deturpada dos fatos, de fato, nada o que foi feito acrescenta.

        Critico todos os dirigentes que afundaram o Flamengo em dívidas astronômicas. Que não tiveram piedade dos cofres do clube justamente por ter uma visão idêntica a sua. Que por anos a fio, achavam que o futebol estando bem tudo se justificava.

        E pra terminar, não me importa o resultado. Resultado, dirigentes e campeonatos, NÃO FICAM ACIMA DA INSTITUIÇÃO.

        EU QUERO O FLAMENGO SANEADO DENTRO E FORA DO CAMPO.

        Fora, estamos no caminho certo. Dentro de campo, falta muito menos do que anos anteriores.

        Reply
      • Amigo Pedro!
        Zé Ricardo acabou de completar 1 ano treinando os profissionais.
        Muricy saiu em junho de 2016.
        Quanto ao Bandeira, apesar de ser “presidente” desde 2013, só nesse mandato, após as eleições, governa sem o maldito Conselho Gestor.
        Sem dúvida alguma, em todos os sentidos, está muito melhor que os 3 primeiros anos.

        Reply
        • Caro Egon, bastou essa derrota para que os cornetas ressuscitassem. Como você bem disse, cadê o grande Abel, Cuca e Roger? Não falaram mais desses 3. Por quê será?
          Plagiando você, segue o “enterro”!

          Reply
  34. Quando o Flamengo foi eliminado da Libertadores já havia passado da hora de demitir Zé Ricardo, faz um ano que treina o Flamengo sem mostrar condições para isso, escalando jogadores da sua panela como Márcio Araújo e querendo agradar a todos no elenco.
    Muitos dizem que o problema não é o treinador, mas falam que precisa de um zagueiro, a direção de futebol contrata, agora falta meio de campo, então é contratado, atacante é contratado; agora goleiro, é contratado e sempre grandes jogadores, mas o time continua fracassando, afinal de contas, de quem é a culpa?
    Não precisa ser muito inteligente pra perceber que Zé Ricardo, como falo desde o ano passado, não consegue fazer o time deslanchar mesmo com grande elenco. Ele está aprendendo no Flamengo, pode?

    Reply
    • Nesti, existem duas situações distintas.

      1 – O Flamengo vem ano a ano arrecadando mais. Isso não significa que estamos ricos. Acontece que diferente do que todos acham, o ano de um time do futebol não começa com os cofres cheio. Pelo contrário. Daí a tentativa da Primeira Liga por exemplo….

      Por isso, nesses anos em que o Flamengo fez as suas contratações de peso, a maioria foram no meio do ano.

      Só que de fato contratar no meio do ano tem seus problemas, é fato. Um deles é que o jogador vai demorar a entrar em forma e o campeonato mais importante continua em andamento.

      2 – A outra situação é falta de planejamento.

      Falta de planejamento é por exemplo Donatti e Conca. Alguém falhou ao menos, na avaliação desses 2 jogadores. Ou pelo menos no caso de Donatti, não aproveitou o suficiente. Ainda assim, não causou prejuízo algum aos cofres, visto que ele foi vendido por um lucro mínimo, mas foi.

      Então amigo são duas coisas distintas.

      Reply
  35. QUANDO PERDEMOS SEMPRE HÁ UMA DESCULPA…E SÃO AS MESMAS! E OLHA QUE ISSO VEM DESDE O ANO PASSADO HEIN! FALAR DO ZÉ DA MORTE…CRITICAR O TIME É SER PESSIMISTA…ENQUANTO ISSO VAMOS CONTINUAR ASSIM BATENDO PALMA E MAIS UM ANO QUE SE PASSA!

    Reply
  36. Transição com o técnico com mais tempo no comando de um time no Brasil , com CT , time , elenco ? Piada !!!! Ou melhor vc tá , certo , talvez a transição termine em dezembro de 2018 !!!!

    Reply
    • Pedro, acho que a essa altura não podemos chamar mais ZR de técnico inexperiente, ao contrário! O que podemos discutir sobre ele são suas virtudes e defeitos, seara comum a todos os técnicos, aliás a todo ser humano. SRN.

      Reply
    • Sérgio, o que falar do Carille, que tem 5min da experiência do ZR? O que falar do Cuca que não consegue acertar o Palmeiras? Ou do Abel Braga? SRN.

      Reply
  37. É interessante como algumas pessoas desistem rápido, a batalha se encontra há pleno vapor, os soldados estão bem preparados, alguns são guerreiros condecorados, mas agora e o capitão? esse é um caso diferenciado, o mesmo foi colocado no comando pelo gemada dourada e coleciona um aproveitamento formidável, porém perde batalhas mais cascudas, vêm sendo assim desde seu primeiro desafio no comando da linha de frente, teve um sucesso regional recentemente, porém é visto como um burocrata pelo patriotas da sua nação. O mesmo possui seguidores fiéis, algo normal para um cargo de comando. Enfim perdemos uma batalha importante ontem, mas ainda tem jogo, mesmo com a enorme vantagem do rival.
    Agora uma cornetada no capitão da tropa, meu querido jogando em casa e adentrando o intervalo perdendo, é bom que o senhor melhore sua capacidade de análise de jogo e do rival e use seus suplentes de forma correta e objetiva e no TEMPO certo.
    Ontem já passou, vamos reagrupar e seguir para o Mineirão.

    Reply
  38. O comandante tem um aproveitamento um histórico formidável de eliminações! Por sinal, que promoção… de recruta para comandante. Tirando o carioca do Roubinho, com um regulamento que ajudou muito, o que mais ganhou o recruta comandante ?
    Já fomos campeões com técnicos horríveis, Andrade, Jaime, etc…
    Mas com esse comandante que chegou ao poder por puro protecionismo, não vamos a lugar nenhum. E toma chuveirinho…

    Reply
    • Isso aí Zé Milton …Aí nessas horas os defensores do ZÈ MITO vão sumir como sempre , aí em cima ta cheio deles.

      Zé Ricardo é um verdadeiro Zé ruela

      Reply
    • Se isso acontecer (Torço muito para que não aconteça), os Ricardetes vão usar as mesmas desculpas…perdemos muitos gols, a bola não quis entrar, não era nosso dia, poderíamos jogar 12 horas que a bola não entraria…blablablablablablabla…as mesmas desculpas esfarrapadas de sempre….
      Zé MILTON, coloca uma coisa na sua cabeça….time que tem MA com cadeira cativa e Zé Ricardo como treinador….NUNCA ganhará títulos importantes !!

      Reply
      • Os comentários dos entendidos aí de cima são os mesmos desde de julho de 2016! Nesse período fomos eliminados da Sul Americana, perdemos o Brasileiro dentro do Maracanã e recentemente fomos eliminados precocemente da Libertadores! Hj estamos 12 pontos do Líder, mas tudo continua LINDO para o amantes do Zé Ricardo e sua as panelas tramontinas! Que venham mais desculpas no Domingo contra o time do Mano! Bjs

        Reply
  39. Amigos , apenas mais um detalhe : sou fã incondicional do Guerrero , ele ontem fez a falta que todos notamos por ter tomado mais um cartão amarelo por reclamação. Contra o vasco com 4 minutos de jogo. Se ele estivesse em campo, certamente o resultado seria outro.
    Será que ninguém da faraônica comissão técnica, da rica e populosa comissão técnica não poderia ou pode ter uma conversa séria com ele?
    Saudações ainda esperançoso

    Reply
  40. Não adianta gastarmos milhões, se esse Zé paneleiro não mudar, ontem o queridinho dele mostrou mais uma de suas facetas, impediu o cuellar de chegar na luan, que coisa ridícula. Ah mais o marcio Araújo tem uma recomposição boa, zzzzzzzzzzz.

    Reply

Comente.