Eurico, por Bisotto

Recebi, via e-mail, um texto espetacular do nosso companheiro do blog Eduardo Bisotto.
Como sou fascinado pelo talento, seria um crime não dividir com vocês.
O tema é polêmico. O texto, genial!!!
Leiam e, comentem.


(Foto: André Durão / GloboEsporte.com)

COMO É FÁCIL ODIAR O DIABO

Eurico Miranda é o demônio. Então é fácil odiá-lo. E por oposição simplista, amar seus opositores. Se Eurico Miranda é o demônio, Julio Brant, seu opositor, deve ser um anjo do Senhor enviado para combatê-lo. É fácil. É simples. E é errado.

É fácil odiar Eurico Miranda porque ele está no poder há muito tempo. É fácil odiar Eurico Miranda porque ele fuma charutos cubanos, o que faz com que pareça um ditador. É fácil odiar Eurico Miranda, como é fácil odiar qualquer um que esteja sob as luzes 24 horas por dia, sete dias por semana, 365 dias ao ano, como é o caso deste senhor nos últimos 30 anos.

Mas vem cá, querido: 30 anos sob os holofotes e ele não foi preso? 30 anos que incluem brigas homéricas com a Globo, inclusive exibindo o logo do SBT de graça em final de Brasileirão e ele não foi preso? Mas que bandidão da porra é este que não cai nunca? Que não encontra um único juiz a encará-lo? Que consegue ser idolatrado pela sua gente mesmo com toda esta blitz?

Nunca vi Eurico mais gordo na minha frente (nem mais magro). Nunca vi Julio Brant na minha frente.

Mas conheço efeitos-manada há tempo suficiente para saber que Eurico pode ter um milhão de defeitos, mas demônio, dificilmente ele é. Assim como Brant, santo, moderno, gestor, o caralho a quatro, dificilmente será. Ninguém entra na política da Associação de Bairro, quem dirá na política de um clube que lida com milhões (tanto financeiros quanto em pessoas), sendo o santo da vez.

Já odiei demônios. Já acreditei em narrativas fabricadas. Já fiz muita merda na vida. Mas passei da idade.

Cheguei na idade em que pensar liberta.

Odiar o Diabo é fácil.

Mas a pergunta imperativa é: Eurico Miranda, é mesmo o diabo?

Eduardo Bisotto

1 Comentário

  1. Quem ressuscitou o Eurico foi o Dinamite com uma péssima gestão. Infelizmente, o Vasco se apequena enquanto for o clube do Eurico e sua gestão anos 60/70/80.

    Na boa, os três clubes do Rio de Janeiro estão no segundo ou terceiro escalões do futebol brasileiro e isso é ruim para o Flamengo, pois o que ouço da mídia e torcida é o famoso “melhor do Rio” e isso não deveria bastar para o clube. No entanto, parece que basta.

    O estadual mesmo, parece final de Copa do Mundo. E como disse o Mozer há poucos dias, foi uma grande vitória. Não deveria ser!

    O foco do Flamengo deveria ser Palmeiras, Grêmio, River Plate, Boca Juniors, etc. Infelizmente, contra esses rivais nem jogamos ou somos presas quase sempre fáceis. Já nos Clássicos o espírito é de Copa do Mundo.

    Enquanto a mentalidade do Flamengo, dirigentes (novos e antigos), torcida e mídia for ser o melhor do Rio, o Flamengo será “só” o melhor do Rio. E sinceramente, contra Vasco, Botafogo e Fluminense atuais nem precisa fazer força.

    Reply
  2. Caro Eduardo Bisotto,
    Parabéns pelo texto!
    Você fez a sustenção de um prédio usando palavras. Uma rocha de pensamentos. Ser ou não ser, concordar ou não, não vem ao caso. O seu brilhantismo merece aplausos.
    Como sempre digo que o Kléber é o Messi com a caneta na mão, vou considerar que com uma caneta na mão você é o Falcão do futsal. Acho que fica bem.
    Abraço grande. Parabéns.
    Por isso sou viciado nesse blog.

    Reply
  3. Não sei se é ladrao, não sei se a eleição deles foi forjada, não estou nem aí pra isso….se for culpado um dia a casa cai…

    Mas em sendo inocente e o princípio e a da presunção de inocência, então eu vejo mais motivos para elogia-lo. O cara é um dinossauro, já viu de Td, viveu ativamente o auge do seu clube….

    Ele representa o verdadeiro mandatário, ele tem voz ativa, ele demite, contrata… entende do negócio…

    Na ausência dele, durante a era dinamite, ninguém mais falava de Flamengo x Vasco, ele retornou, promoveu o clássico dos milhões colocando como novamente o Vasco novamente na vitrine, a rivalidade aflorada como antigamente (às vezes exagera)…

    Mas sem essa de politicamente correto, que deixa o futebol um saco, cheio de regras e diretrizes… Nutella como dizem hj em dia….

    Vida longa ao Eurico… na minha opinião e o mal necessário para que o futebol do rio não seja dominado pelos dirigentes Nutella.

    E o melhor de Td, e freguês de carteirinha do Flamengo kkk

    SRN

    Reply
    • No país atualmente não há presunção de inocencia e a lava jato está aí para mostrar, pois tem gente sendo condenada sem provas documentais e a maioria dos que “habitam” redes sociais dando total apoio, demonstrando bem a ignorancia que chegamos. Não gostaria do Eurico presidente do Flamengo, mas confesso que anos atrás, achava-o o sujeito correto para enfrentar os poderosos, até que Eurico, sua guarda pessoal e do Vasco foram assaltados numa rua e levaram toda renda de um jogo do Vasco…não foi em um cofre e nem numa sala, mas na rua. O que fazia aquela segurança toda que ão deteve dois ou tres bandidos? Foi aí que vi o Eurico com os olhos atuais: igual aos demais.

      Reply
      • Muito se fala em presunção de inocência. Inocência perante quais leis? Aquelas escritas pelos deputados? rsrsrs Em muitos casos flagrantes, não é preciso ler a Constituição para saber o que é CERTO ou o que é ERRADO.

        Reply
  4. Uma breve passagem bíblica responde aos seus questionamentos meu caro Bisotto.

    “A árvore se conhece pelos frutos. Assim a boa árvore dá bons frutos, assim como a má dá maus frutos”. (Jesus)

    Então meu caro, a despeito de definições pré-concebidas do que seja bem ou mal, aquele que é bom odeia a injustiça!

    Não é uma questão apenas de princípios, religião, costumes ou moralidade, mas vibracional! Seres de elevada consciência tem dificuldades de convivência com outros semelhantes da baixa consciência, portanto suas vibrações são distintas! Isso é facilmente perceptível entre nós em vários níveis!

    Assim, falando mais especificamente sobre Eurico Miranda podemos afirmar que sua paixão pelo poder exercido por 30 anos denota uma incomum paixão, ego, no qual ele é profundamente aguerrido.

    Isto posto, usar a injustiça para atingir seus meios é só uma forma dele atingir seus objetivos.

    Falando mais especificamente sobre a última eleição do Vasco, esta mais do que claro, porém não comprovado, que a “urna da discórdia” contém claros indícios de fraude no sistema eleitoral do Vasco, coisa que caberá a justiça determinar juridicamente ou ficar incapacitada em faze-lo.

    Em última análise e nos temos por vc colocado, Eurico Miranda esta sim alinhado com forças do mal. Seus atos comprovam isso!

    Reply
    • Mas qual será a resultante da era Eurico?

      Um dado importante foi notar a disparidade de maturidade entre os personagens vascaínos que concorreram ao pleito!

      Fiquei impressionado, pois Eurico esta a anos luz de qualquer um dos outros postulantes.

      Mas o que isso significa? Significa que não existe no momento Vasco fora de Eurico Miranda, que ele é o Vasco, que o Vasco sem ele não existe!

      Significa que o Vasco esta institucionalmente tão tolido, tão enfraquecido, tão intimidado, tolido pela era Eurico que suas principais cabeças institucionais não afloram, dando a entender o quanto é precário o quadro social vascaíno no momento.

      Reply
  5. Caro Kleber , as palavras e o pensamento do nobre Bisotto seriam perfeitas à 2 dias atrás . Hoje , depois dessa picaretagem , falcatrua que foi a eleição do Vasco acho que foi inoportuna. Óbvio que Eurico tem suas qualidades como ser humano e gestor e esta longe de ser um vilão mas sua última atitude o condena a um homem apegado a seus próprios interesses muito descolado de uma pessoa democrática e que respeita o Vasco e sua torcida. Eurico não é vilão é um coronel ultrapassado que expôs nós todos que amamos o futebol ao ridículo !!!!

    Reply
  6. Prezados:
    Concordo com o Nino , o Eurico, somente pela sua sede de poder, já disse a que veio. O Eurico faz parte do seleto grupo de dirigentes que matou o futebol carioca. Antigamente, o campeonato carioca era parâmetro sim! Década de 70/80, os times cariocas eram muito bons, com capacidade financeira razoável. O Fluminense de Horta, o Vasco de Sendas, o Flamengo de Márcio Braga e outros presidentes eram times decentes. Hoje em dia é só tristeza… Quantos jogadores de times cariocas estão na atual seleção? Só conheço o Diego. Não adianta, o futebol carioca precisa se reestruturar como um todo, a verdade é que um time precisa do outro, é isso que faz a roda do dinheiro no futebol girar.

    Reply
    • E no caso do Vasco é muito pior Márcio! Visto que nestes últimos anos o clube caminha a passos largos do que era um clube grande para ser um clube médio!

      A figura de Eurico Miranda afasta principalmente a saúde financeira do clube, uma vez que poucos patrocinadores querem associar a sua marca a imagem do dirigente, que hoje em dia é o próprio Vasco!

      A médio prazo, após a passagem da era Eurico, o Vasco mergulhará em uma crise institucional, pois como já dito, se o Vasco é Eurico Miranda, após ele estará sem identidade.

      Reply
  7. Francamente Presidente, Eurico é odiado pelas ofensas que faz aos adversários. Chegou ao ponto de dizer que preferia ver um filho canceroso que torcendo para o Flamengo. Essas provocações podem dar mídia, mas incentiva a violência, eu sempre coloquei que torcedores e dirigentes precisam ter postura diferente.
    Honestamente é a última vez que comento sobre esse nefasto dirigente nesse blog. Quanto a ser preso, quantas pessoas deveriam estar na cadeia nesse país? BISOTTO, LEVA ELE PRA CASA !!

    Reply
  8. Não esqueçamos o que ele fez com o Flamengo na famosa Copa União! Temos vídeos na internet onde ele fala na época que o Campeão Brasileiro de 87 era o Flamengo. Hoje ele fala que é o Sport. Que grande Homem é este!? Se tem alguem que deveria estar junto com o Flamengo nesta briga, este alguém (ou alguens hehe) são Aidar e Eurico, presidente e vice do Clube dos 13 na época. O caráter deve estar acima de tudo, inclusive da rivalidade. Ali, caráter passa longe. Enquanto exaltados este tipo de pessoa, seremos um país de 3o mundo, um país onde se não foi preso, é correto. Sendo assim, Renan, Sarney, Luís Inácio, Maluf, Aécio, Collor, Gilmar Mendes, entre tantos outros são grandes homens limpos pois nunca viram o sol nascer quadrado.

    Reply
  9. Concordo que o Eurico não é o Diabo, porém gostaria que esclarecessem o episódio da Copa União de 1987, quando ele, sem o aval dos demais Presidentes do Clube dos 13, alaterou o regulamento junto com os indefectíveis Otávio Pinto Guimarães e Nabi Abid Chedid. O que será que rolou? Até hoje nãi=o sabemos.

    Reply
  10. Perdão….mas uma apologia a malandragem, a falta de ética, a falta de qualquer resquício de carácter. Num país sério, sim este senhor já estaria atrás das grades. A urna sete ainda está fresquinha para se chegar a essa conclusão.

    Reply
  11. Com todo respeito,mas acho que neste blog o Sr.Eurico,não deveria ter espaço.O momento que vivemos no FLA, já tem ocorrências mais que suficientes para apreciações,comentários,posicões ,críticas,avaliações,etc…etc…
    Penso assim.
    SRN.

    Reply
  12. Comparar esse senhor com o Diabo é uma ofensa grave ao Demo. Este Senhor não só é um dos responsáveis pela derrocada do futebol carioca como também pelo acirramento das desavenças entre a torcida do time dele contra a nossa. Me considero pessoalmente ofendido com esse tema aqui no nosso blog.

    Reply
  13. Bissoto, meu amado, da próxima vez encaminha direto para algum pai de santo meu caro.

    Nós aqui do blog não temos condições de ligar com estas entidades tão brabas assim não!

    Reply
  14. Caros amigos!
    Continuo achando o texto do Bisotto magnífico. Prestem atenção a sua última pergunta e ao conjunto da obra do texto. O Bisotto expõe um fato alertando a todos para uma realidade, que, independente de caráter, posições e falas, já se faz liderança em um clube a mais de 30 anos. O texto é raro e a discordância é democrática. O KL publicou porque realmente merecia ser publicada, assim, como ele faz com tantos outros. O KL por si só já é um gentleman. Colocar esses temas, somente nos alerta a imaginar que bem ou não bem, o combatido e amado Eurico tem entre a terra e o céu o seu nome gravado na história do futebol. A vida é assim amigos. Os seus defeitos que fiquem para o Vasco. Que as coisas boas possam servir de reflexão. Todo mundo tem seu lado bom.
    Grande abraço a todos e SRN

    Reply
  15. Dizem que o Zé Ricardo é vaisCAINDO. Está explicado por que ano passado passamos o ano inteiro em SEGUNDO (vice) no Brasileiro e quase terminamos o campeonato como VICE.

    Uiiiii !!!

    Reply
  16. Kleber, hoje o UOL publicou entrevista concedida pelo nosso vice de futebol ao site Paparazzo Rubro-Negro. E hoje à noite também sai uma entrevista dele para o Coluna do Flamengo.

    Li a do UOL e achei respostas bem superficiais. Falou pouco e ainda não disse nada interessante. Aguardo a entrevista do Coluna do Flamengo.

    Segue o link: https://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/lancepress/2017/11/10/vice-do-fla-confirma-renovacao-automatica-de-marcio-araujo-e-fala-sobre-podolski-e-ederson.htm

    Gostaria que comentasse sobre isso!

    Reply
  17. Acabei de assistir a entrevista de Bap na Radio do Capitano Fla no you tube fiquei encantado com a maneira como ele debateu os problemas do Flamengo,o cara coloca os pingos no i.
    Segundo ele o dinheiro ta indo para o ralo, do roupeiro ao presidente, todo mundo acomodado.De fato viramos um “Estado” com funcionários acomodados.
    SRN

    Reply
  18. Kleber e amigos do blog: primeiramente me confessar emocionado pelas palavras elogiosas do Presidente. Vindas de quem veio, um dos maiores dirigentes que o futebol brasileiro, não tenho como não me comover profundamente.

    Em segundo lugar, exaltar o quanto é prazeroso fazer parte deste blog: o nível é altíssimo, mesmo quando as críticas vem.

    Prometo responder a todos assim que possível. No momento, encontro-me em viagem em São Paulo. Voltando para casa, pretendo responder a todos.

    Forte abraço e saudações coloradas!

    Reply
  19. Queridos Kléber e amigos,
    Vou deixar um depoimento aqui. Muitos anos atrás peguei um táxi e conversa vai, conversa vem, o senhor que dirigia o táxi me conta que tinha trabalhado para o pai do Eurico. O pai do Eurico controlava e distribuia pães para Urca e Botafogo. Segundo esse ex-empregado era uma pessoa muito séria e querida por todos. Ele então conheceu o Eurico Miranda, o filho, quando garoto estudante do Colégio Santo Inácio. Segundo esse motorista o garoto já era muito mau comportado desde criança.
    Mais tarde o filho Eurico assumiu as padarias do pai e as levou a falência. O senhor me relatou ainda (não me lembro dos detalhes) que a relação nesse período do Eurico com os seus empregados era muito ruim e bem diferente do pai. Na falência ele não cumpriu os acordos que fez com os empregados e acabou não pagando o que devia.

    Reply

Comente.