Muito futebol. Qualidade zero!

(Foto: Fernando Soutello / AGIF)

Nesta fase de recuperação tenho visto tudo que é jogo de futebol.

Pelas eliminatórias para a Copa do Mundo, vi a vitória da Suécia sobre a Itália e, na madrugada deste sábado, Nova Zelândia x Peru, jogo que terminou empatado em 0 a 0.

Pelo Campeonato Brasileiro, vi a vitória do Atlético Paranaense em cima do Botafogo, no Engenhão. O que estes jogos tiveram em comum? A péssima qualidade.

O menos ruim foi Suécia e Itália, mesmo assim, de uma pobreza técnica de dar dó.

Agora, de irritar, os outros dois jogos, um pelas eliminatórias e outro pelo Campeonato Brasileiro. No Engenhão, só houve gol pelo fato de o goleiro do Botafogo, o paraguaio Gatito, ter espalmado a bola para dentro do gol. Não fosse isso, Botafogo e Atlético Paranaense estariam jogando até agora e, com certeza, o placar estaria em 0 a 0.

Definitivamente, toda vez que o Botafogo tem a obrigação de tomar a iniciativa, a vaca vai pro brejo. O time de Jair Ventura é bem arrumado, disciplinado, mas pobre de técnica. A sua única arma é o contra-ataque. Quando se vê obrigado a propor o jogo, se enrola todo. Tanto é verdade que esta foi a sexta derrota no Engenhão, neste Campeonato Brasileiro.

Fiquei acordado de madrugada, curioso em ver como a seleção peruana iria se virar sem Guerrero e, torcer por uma boa atuação do nosso lateral Trauco.

Guerrero fez muita falta. A seleção peruana perdeu personalidade sem a presença de seu artilheiro e principal jogador.

Trauco, burocrático ao extremo. Incapaz, como faz no Flamengo, de tentar uma jogada pessoal ou arriscar um chute de longe.

Enfim, muito futebol e nada para se aproveitar. Jogos duros. De se ver…

Neste domingo, o nosso jogo é contra o Palmeiras e os objetivos são iguais, com os dois lutando por uma vaga na Libertadores, via Campeonato Brasileiro.

Não tenho nenhuma dúvida que será um bom jogo. Flamengo e Palmeiras fazem parte de um pequeno grupo de equipes que têm condições de propor o jogo. Pelo fato de jogar em casa, a obrigação maior fica com o Palmeiras, o que equivale a dizer que o contra-ataque pode ser a solução para o Flamengo.

Tomara que o senhor Rueda lembre que Vinícius Júnior existe.

1 Comentário

  1. Presidente o futebol a cada dia que passa fica mais pobre tecnicamente, veja o próprio Corinthians a poucos dias de ser campeão jogando essa bolinha. mudando para nosso Flamengo, porque essa diretoria é contra a contratações de jogadores que são criados no clube ou que tenha identificação com flamengo. exemplos de Renato Augusto, Vagner Love,Egídio e Diego tardeli com menos identificação, mas joga fácil. agora um jogador daria certo no flamengo seria Lucas Prato ,artilheiro e com uma intrega fantástica. o que vc acha ???

    Reply
    • Não acho fundamental a contratação de jogadores que tenham sido criados na Gavea. Sou contra a contratação sim, de jogadores sulamericanos medianos que o clube gasta muito e não nos dá nada.Sou favorável à contratação de jogadores que entrem no time e resolvam, se possivel que já estejam aqui ou que estejam na Europa em atividade, não ‘encostado” Se demitir, rescindir contratos dos estrangeiros, exceto Guerrero que vai demorar pelo que vejo para resolver a situação, daria para trazer dois ou tres grandes jogadores.

      Reply
  2. já iria me esquecendo do RuimEda, que notícia ruim,
    vai ficar para 2018. vou ter um infarto ! Abel , luxa ou cuca esses seriam o ideal.

    Reply
  3. Kleber, sou de opinião que, se tiver um elenco de respeito e bem treinado, tem mais é que se impor no seu ou no campo do adversário.
    Já vi vários jogos, principalmente do nosso querido Flamengo, que a torcida, apesar de dar a sua força (e que força), de nada adiantou.
    Torcida ajuda, mas, não ganha jogo.
    Será que estou errado?
    Um abraço e boa recuperação.

    Reply
  4. Falta drible.

    O futebol esta virando um jogo de correria e esquemas de contra-ataque contra defesas e linhas de impedimento. A falta do drible também é um grande motivo dos torcedores FALTAREM nos estádios.
    Deviam pelo menos colocar ums especialistas em DRIBLES, controle de bola, embaixadinhas e coisas assim nos intervalos. Pelo menos assim existiria um pouco de MAGIA nos estádios.
    Tá virando um jogo de bate e rebate.

    Reply
  5. Novamente a rodada ajuda o Flamengo. Se o Grêmio ganhar a libertadores, o 6 colocado vai pra fase de grupos. Hoje é o Botafogo, mas amanhã pode ser o Flamengo até com o empate eu acho.

    No entanto, ficarei surpreso se o Flamengo arrancar ponto de São Paulo, pois esse time se acomoda depois de uma vitória. Tem sido assim direto: vergonha domingo, show quarta. Amanhã é domingo!

    Reply
  6. Caro Kléber e amigos!
    Então o que dizer do virtual Campelo brasileiro com elenco pobre? O que dizer dos times que contrataram e continuam pobres também? O que dizer da ciranda de técnicos? O que dizer da escolha do craque do campeonato brasileiro deste ano? Afinal, quem pode ser? E a revelação?
    O futebol brasileiro está muito pobre mesmo e se alguém duvidar, basta lembrar dos 7 x 1.
    Que nosso Flamengo seja diferente amanhã, apesar de que a bondade do time em ressuscitar é celestial.
    SRN

    Reply
  7. Boa noite, amigos.
    Os jogos realmente estão ruins. Vejo jogador que está próximo da área adversária, e por não ter muita técnica, acaba recuando a bola, até chegar no goleiro. Muitas vezes, o goleiro acaba dando um chutão pra frente, e o adversário fica com a bola. Tempo bom que os jogadores tentavam o drible. Que saudades!!!
    Quanto ao Mengão contra o Palmeiras, infelizmente, as coisas não costumam ser boas para nosso time. Fla jogando em São Paulo…
    Vamos torcer para que nossa freguesia comece a acabar a partir desse jogo. No sub 17 contra o Palmeiras no primeiro jogo, tomamos de 4×1. Fique de plantão, São Judas.
    SRN.

    Reply
  8. Alguém aqui, assim como eu, está com um certo receio do nosso mister preterir a joia para escalar o massaraujo? Algo me diz que vamos ficar com a cara quente hoje à tarde, Deus ilumine a cabeça do professor pardal e queime a minha língua.

    Em tempo, Kleber não sei se o Rueda conhece o VJR, mas tenho certeza de que ele não conhece o Flamengo, pois nunca em nossa história fomos um time defensivo, covarde e se ele escalar o Massa será pra mim a confirmação de que ele sequer sabe onde está.

    SRN

    Reply
  9. Muitas equipes jogam pela chamada “uma bola “. Ou seja, muita marcação, aposta no contra ataque, na bola parada, com muita correria.
    Veja que as goleadas foram poucas nesse brasileirão. E o numero de empates é enorme. O negocio é não perder, esperar o adversário errar, e como a qualidade técnica é baixa, fica mais fácil destruir a construir.
    Por isso que as melhores equipes, tecnicamente, quando correm , conseguem vencer. Difícil jogar contra Botafogo, Corinthians , Cruzeiro, pois são times que jogam com 03 volantes e todos atrás da linha da bola.
    Mas falando do nosso jogo hoje, estou preocupado, o clima parece aquele contra o São Paulo, com muita cobrança e pressão no adversário, diretoria e torcida deles cobrando muito. Naquele jogo , fomos engolidos pela disposição dos Paulistas, mas hoje se o Palmeiras, com a qualidade técnica que possui, se nos engolir na correria e na raça, seremos Goleados…acho bom o RUimEDA pensar e cobrar bem o time. Chega de vexames esse ano !
    Fora R.Caetano !

    Reply
  10. Amigos do blog e Kleber Leite, identificação, saber da história do clube é indispensável, e o mais importante: raça, determinação, vontade de ganhar e não aceitar a derrota até o apito final , se matar em campo. Infelizmente não vemos isso nesse time atual. Aceitam a derrota tranquilamente, sem esboçar reação alguma, a derrota é normal. Nos jogos esse ano contra Santos, São Paulo, Atletas MG, Ponte Preta e Grêmio, parecia coisa de pelada, perdiam e eram indiferentes. Quanto ao Trauco, não existe Kleber, na base temos o Michael que era da seleção sub 17, fez 18 anos e joga muita bola, tanto ou mais que o Jorge. Porque insistir com os pernas de pau Renê e o Peruano? Bota o garoto pra rodar, vai falhar sim, mas é dá casa. Jogador de fora tem de ser um fora de série, chega de jogador de nome, que não joga porra nenhuma,e principalmente não faz gols e ganha R$1.000.000,00 e ainda querem renovar.
    Aproveitando Kleber, como todos nós somos amantes de futebol, porque não providenciarmos a nossa barca ou transatlântico?
    SDS rubro-negra.

    Reply
  11. Flamengo realmente é time de campeonato carioca. Está fora da libertadores 2018, pode escrever. Tem que valorizar o carioca que é o único titulo que pode ganhar, afinal esperar o que de um elenco com Para, Vaz, Rodinei, René, M.Araujo, Vizeu, Gabriel e não venham defender Ruan Ele também está nessa lista, Eu não esqueci do Everton Ribeiro a maior mentira do futebol brasileiro.

    Reply

Comente.