Falha minha…

Carpegiani, na entrevista após a vitória de ontem (Foto: Gilvan de Souza / Flamengo).

Ontem, imediatamente após o jogo, falei da importância de um teste mais duro antes da estreia na Libertadores, quarta-feira que vem, contra o River, no Engenhão.

A nossa única partida antes de começar a competição mais aguardada do ano será o Fla-Flu, que não acontecerá no Rio, e sim, na Arena Pantanal, em Mato Grosso.

Mais do que óbvio que a programação abraçada pela comissão técnica do Flamengo é correta, pois, em função do desgaste que esta viagem irá provocar, o time será a meia bomba. A decisão, repito, é correta, muito embora o ideal seria um teste forte, para, realmente, colocar à prova o time que vai entrar em campo contra o River.

Até agora, contra adversários tecnicamente fracos, a estratégia de jogar com apenas um volante tem dado mais do que certo. No jogo contra o River, já não contaremos com o titular da posição, que é Cuellar.

Ontem, Jonas jogou bem, mas ainda não dá para cravar que ele, sozinho na condição de volante, vá ter a mesma atuação contra um time peso pesado. Mas, mais uma vez, sou obrigado a concordar com a decisão de Carpegiani. Melhor arriscar improvisando, do que escalar quem já se sabe que não vai render nada. Aliás, se este Jonas não emplacar, urge que se contrate um bom volante.

E o Vasco hein? O futebol é realmente algo mágico. Quem poderia prever o que aconteceu ontem na Bolívia? Todos, “INCLUSIVE, TODOS” os meus amigos vascaínos, só conseguiram dormir após o sol nascer…

1 Comentário

  1. Se o Jonas não der certo, tem o Cuellar e Ronaldo. Não precisa contratar nesta posição.

    Não vi o jogo, mas gostaria de comentar algo que o Kleber citou no último tópico sobre o Ceifador. O Guerrero é infinitamente melhor, mas talvez não tão matador. Torço muito para que o peruano volte logo!

    Para fechar, gostaria de ver o Júlio Cesar nesse Fla-Flu nem que fosse no banco!

    Reply
    • Henrique,
      Pelas notícias, o Ronaldo será reserva até do time reserva que vai enfrentar o Fluminense – perdendo a vaga para o Rômulo (O Rômulo!). Inexplicável o que acontece no Flamengo…

      Reply
      • Aí é não questão de criticar treinador. Já passou Zé Ricardo, Jayme por 1 ou 2 jogos, Rueda e o Carpeggiani. Com nenhum deles o Ronaldo jogou. Esperamos que atue mais vezes pelo menos na Taça Rio.

        Reply
  2. Os adversarios do carioca são muito fracos ou o FLA que está muito acima?

    Time bem encaixado é time bem encaixado, quando está estará não importando o adversário, se irá ganhar é outra coisa.
    O que parece é que esse time GANHOU o poder de infiltração que nos faltava, passamos a ser mais definidores e abridores delas, enquanto no ano passado jogavamos esperando as falhas adversárias, atualmente passamos a PROVOCAR as falhas adversárias.

    It’s show time !!!!

    Reply
  3. A unica diferença do E. Ribeiro atual e aquele do Cruzeiro é a POTENCIA/EXPLOSãO muscular. Ele claramente tem sentido a falta dessa explosão pra chegar mais forte no ataque.
    Quanto ao Jonas eu acredito que a camisa for caindo mais rotineiramente nele ele tende a crescer. O NERVOSISMO o atrapalhou no passado, mas aquela ANGUSTIA de provar que podia jogar no FLA passou. Tende a crescer e tem potencial pra isso.

    Reply
  4. Então Kléber me parece que este time em qualidade técnica tem condições de passar para segunda fase da Libertadores mas precisa igualar aos hermanos na vontade e raça de querer ganhar o jogo.Tenho ouvido alguns comentaristas dizerem que os laterais estão tímidos e que precisam atacar mais e realmente precisam só que não estão indo mais ao mesmo tempo dando mais segurança ao sistema defensivo.
    Qto ao Jonas tem uma característica individual difícil de vc ver na posição dele que é a inversão da bola através de lançamentos longos.
    É qto ao Vasco rs a Mulambada tem que fazer uma vaquinha e dar um extra para o goleiro rs.

    Reply
  5. A opção TATICA do Carpegiane me parece que é manter os laterais com a função DEFENSIVA como a principal. Ao contrario do ano passado quando forçavamos o jogo pelas subidas dos laterais, o Carpegiane quer que o ATAQUE seja prioridade dos meias deixando os laterais mais no APOIO ofensivo e defensivo. Queriamos MUDANçAS e ele as tem feito, quanto ao EFEITO do feito somente o fim do ano responderá.

    Reply
  6. O Flu joga com 3 zagueiros e 5 no meio de campo.No jogo de sabado,o FLA tem que colocar + gente na meiúca.Corre o risco de perder este espaço,propiciando ataques constantes à nossa defesa,sabidamente lenta e com saída de bola ruim.Mas,confio na experiência e visão de Carpegiani.Seria importante conseguir esta vitória tambem.
    ABS.

    Reply
  7. Presidente, não entendo o medo de se jogar com um volante.
    O 4.1.4.1 sempre foi citado.
    O Corinthians jogou muito bem nesse esquema , inclusive o Renato Augusto praticamente virou volante por causa desse esquema. O Corinthians jogava com Ralf único volante e três meias..Jadson, Renato Augusto, Elias que nunca foi volante, sendo que Elias foi inclusive o que fez mais gols dos três. Flamengo tem que se impor, o jeito do Flamengo jogar tem que ser o que propõe o jogo. Lembro na decisão da copa do Brasil, Flamengo perdeu porque não se impôs tanto no Maracanã, quanto no Mineirão. Temos um meio campo muito bem povoado agora. O grande o problema é a limitação dos laterais. E até estou entendendo o porquê de se manter o Renê, que é péssimo no apoio e com a bola nos pes, mas marca bem e ajuda na cobertura dos zagueiros.
    ( Mas tá longe de ser o ideal).
    Carioca não serve de parâmetro, mas em que ano, em oito jogos só levamos um gol??
    Acho que o esquema é o ideal, vai depender exclusivamente da movimentação dos meias. Se Carpeggiani tivesse vindo em 2017, acredito que tínhamos ganho tanto a copa do Brasil, qto a sul americana.
    Como sou muito nostálgico, apesar dos meus 44 anos, o Flamengo de 81, tinha um único volante: Andrade. Os demais todos preenchiam muito bem os espaços e o time era sempre equilibrado.
    Acho que a era de dois volantes está acabando, a menos que.sejam dois ótimos jogadores.
    E isso hoje é difícil.

    Reply
  8. Idep, companheiro,
    Vou apurar. Muito bem lembrado. Cadê o
    Vítor Gabriel?
    Anderson, querido,
    Não seria uma boa escalar o Vinícius Junior neste Fla-Flu?
    Forte abraço aos dois.

    Reply
    • Kleber seria uma boa sim. Até porque o Vini Malvadeza não vem sendo titular. Muito bem lembrado pelo amigo Idep, sobre o Vitor Gabriel.

      Mas eu acredito que o time não deve ser muito diferente disso.

      Reply
    • Meu Guru!
      O Corinthians contratou do ABC, um garoto de 19 anos que tem tudo pra ser um tremendo centroavante.
      Matheus Matias é o nome da criança.
      Quanto ao time de amanhã, já que papamos a Taça GB, é jogar pelo empate contra os “grandes” e enfiar a raquete nos pequenos.
      Vou de Diego Alves, Klebinho, Léo Duarte, Rhodolfo e Trauco.
      Cuellar, Ronaldo e Lucas Silva.
      Marlos, Vizeu e VJr.

      Reply
  9. Kleber.
    Vi que o contrato do Michael, lateral-esquerdo da base, terminará em 30/6/2018. Você sabe de algo a respeito de renovação do contrato. Serão que veremos a repetição das histórias de Nélio e Bruno Paulo?
    SRN

    Reply
      • Alõ Benedito…… dê uma olhada nessa lista publicada pelo jornal Extra / RJ no dia de ontem 22/02/18

        VEJA O PERCENTUAL DO FLAMENGO E O TEMPO DE CONTRATO ANTES DA RENOVAÇAO DE ALGUNS ATLETAS

        Gabriel Batista – Goleiro – 50% – 31/12/2019
        Klebinho – Lateral – 70% – 31/12/2019
        Thuler – Zagueiro – 100% – 31/12/2019
        Patrick – Zagueiro – 100% – 28/02/2019
        Ramon – Lateral – Emprestado pelo Nova Iguaçu até janeiro de 2020
        Ronaldo – Volante – 60% – 31/12/2020
        Jean Lucas – Volante – 100% – 31/12/2018
        Lucas Silva – Atacante – 65% – 31/12/2018
        Pepê – Meia – 70% – 31/12/2018
        Wendel – Atacante – Não divulgado – 31/01/2019
        Matheus Dantas – Zagueiro – 80% – 31/12/2018
        Hugo Moura – Volante – 80% – 31/12/2020
        Jajá – Meia – 80% – 31/12/2018
        Vitor Gabriel – Atacante – 50% – 31/12/2020
        Hugo Souza – Goleiro – 90% 31/12/2021
        Luiz Henrique – Meia – 100% – 31/12/2019
        Michael – Lateral – 100% – 30/06/2018…………………..
        Bernardo – Zagueiro – 80% – 31/12/2018.

        Todos esses renovaram, mas não sabemos ainda o tempo de contrato novo.

        Abraço

        Reply
        • Anderson,
          Obrigado pela informação.
          Foi esta reportagem que li e por isso levantei esta questão. Estamos em final de Fevereiro e o contrato do Michael vence em Junho. O atleta já pode até assinar um pré-contrato.
          Acho que se o Michael sair, será um tremendo erro do atleta e seu empresário, pois as laterais são os maiores problemas do time principal, no momento. Eu acho que ele teria totais condições de assumir a titularidade no time de cima.
          SRN

          Reply
    • Meu amigo Benedicto!
      É aquela velha máxima. “Deus escreve certo por linhas tortas”…
      No caso, Nélio e Bruno.
      São dois aloprados que se achavam maior que a Instituição. Rodaram rodaram e sumiram na poeira.
      Nem questiono o tamanho da bola, mas sim, o tamanho do cérebro.
      Podemos passar o dia inteiro mencionando exemplos parecidos.
      Abs, amigo

      Reply
  10. Kleber peço licença para replicar aqui uma matéria do Site Coluna do Flamengo.

    ********Com saída de jogadores contestados, Flamengo desonerou folha salarial em R$ 13,5 milhões*******

    O Flamengo iniciou a temporada de 2018 de forma diferente da esperada por grande parte da torcida. Ao invés de contratações, dispensas foram feitas, e muitas.

    De acordo com o Uol, as negociações dos jogadores renegados não foi somente por questão técnica, mas sim, principalmente, por questão financeira. Quando se deu início ao planejamento deste ano, os executivos de futebol, Rodrigo Caetano e Ricardo Lomba, ouviram uma exigência do Conselho Diretor: aliviar a folha salarial.

    Conforme a quantidade de jogadores negociados pelo Mais Querido, a meta estipulada foi cumprida. A desoneração da folha salarial gira em torno de R$ 13,5 milhões anual. As saídas de Alex Muralha, Rafael Vaz, Márcio Araújo, Gabriel, Matheus Sávio, Mancuello e outros jogadores oriundos da base, foram fundamentais para tal feito.

    O número engloba gastos até dezembro desta temporada, com a desoneração sendo responsável por não pagar os atletas em salários, encargos trabalhistas e direitos de imagem.

    Inclusive, até mesmo jogadores que não estavam no elenco estão sendo contabilizados, como é o caso de Canteros, atualmente na Chapecoense.

    Entre os nomes, alguns foram negociados em definitivo, como é o caso de Mancuello, que foi para o Cruzeiro, e Felipe Vizeu, que fazia parte da lista de negociáveis, foi vendido para a Udinese, da Itália, contudo, só vai para o novo clube quando terminar a temporada europeia, ou seja, no meio do ano.

    Rafael Vaz e Márcio Araújo não retornam ao rubro-Negro, pois tem seus contratos finalizados dia 31 de dezembro de 2018.

    O Flamengo tem para receber, entre negociações definitivas e empréstimos, cerca de R$ 27,3 milhões no ano. Agora, com as saídas dos atletas questionados e negociações de venda ou chegada, o Mengão reduziu a folha de pagamento mensal em R$ 1,2 milhão em relação a última temporada.

    O Mais Querido contratou três jogadores, mas só tem maiores gastos com dois. Henrique Dourado e Marlos Moreno foram contratados, enquanto Julio Cesar veio para um projeto de encerrar a carreira no clube de coração.

    Além das muitas negociações envolvendo atletas profissionais, a redução da folha tem impacto também na diminuição da comissão técnica. A folha de pagamento mensal do futebol do Flamengo, atualmente, gira em torno de R$ 9 milhões.

    ——————————————————

    Kleber, na minha opinião, pode ser que ainda pinte alguns nomes como por exemplo, para as laterais. Pode ser também que venha um zagueiro. Pelo menos um.

    Agora de fato, se Carpegiani conseguiu recuperar o Jonas, ficamos bem mais tranquilos. Teremos 3 opções diretas PARA TODA A TEMPORADA. Cuellar ,Jonas e Arão.

    Como Zagueiros e Laterias tendem a ser mais baratos, pode ser que a grana dê para alguma coisa.

    #AGUARDEMOS

    Reply
    • Por isso que falo que o trabalho do Rodrigo Caetano é mentiroso, quantos ainda estão no Flamengo ganhando muito sem render nada tipo o Rômulo, Geovanio etc..?..o trabalho do Rodrigo Caetano e muito ruim só contrata jogador pereba e sem identificação com o flamengo.

      Reply
  11. Alô Kleber…..

    O programa Expediente Fox Sports, sugere que o Flamengo entre em campo amanhã assim:

    DIEGO ALVES

    PARÁ, LÉO DUARTE, THULER E TRAUCO

    CUELLAR E ARÃO,

    JEAN LUCAS, MORENO, VJ

    VIZEU

    Ficou decidido que Juan não viaja já pensando em jogar na próxima 4 feira.

    VJ vai jogar de titular amanhã e eu fiquei na esperança de ver Klebinho jogando.

    Reply
  12. Correto poupar jogadores para o jogo contra o River. Mas espero que os jogadores poupados não fiquem em churrascos com o marajá do R.Caetano…
    É claro que o regulamento do estadual é bisonho e a taça Rio pouco serve pra o Flamengo, mas ninguém quer perder clássicos, então um pouco seriedade não faz mau a ninguém.
    Ainda não vejo Diego Alves em condições de ser titular, espero que dia 28 escalem o Cesar, mas para o Fla xFlu pode ser o Diego mesmo, com J.Cesar no banco.
    e seguiria com : Diego Alves; Pará; Léo Duarte , Thuler, Trauco;Ronaldo, Cuellar, Jean Lucas , Pepe, Geuvanio e Vizeu
    Fora R.Caetano !

    Reply
  13. Fonte: https://m.extra.globo.com/esporte/flamengo/artilheiro-do-fla-na-copinha-vitor-gabriel-renova-com-clube-ate-fim-de-2022-22427413.html

    O Flamengo concretizou a renovação de contrato de mais uma promessa do Ninho. Trata-se do atacante Vitor Gabriel, de 18 anos, artilheiro do time na conquista da Copinha 2018 com quatro gols. Ele renovou até o fim de 2022, mas segue com 50% dos direitos econômicos presos ao Nova Iguaçu, onde começou a jogar.

    Lembrando que Vitor Gabriel também foi eleito o craque da galera da Copinha.

    Reply

Comente.