O líder foi ali e, já volta!!!

(Foto: Paulo Whitaker / Reuters) Klefer Noticias

Vi São Paulo e Vasco. Como diz o Velho Apolo, o São Paulo suou um litro certo para ganhar o jogo.

Ontem, se criticamos o time do Flamengo pela atuação pífia diante dos reservas do Grêmio, hoje, por uma questão de justiça, não há como não dizer que, apesar de vencer o Vasco por 2 a 1, o São Paulo não jogou nada.

Não é de hoje que afirmo que a sorte é fundamental no futebol. E, não foi diferente neste jogo. Os dois gols do São Paulo – para quem tem um mínimo de intimidade com este esporte – foram obra e arte da dona sorte.

Claro que, há outros fatores, como no segundo gol, a perseverança de Éverton. Mas, não cruzou, e sim, se livrou da bola, que encontrou a cabeça de um companheiro, que cabeceou sem ver o gol e a bola foi parar na forquilha.

Volto a afirmar que o nosso time é melhor, que o nosso elenco é melhor. E, volto a afirmar que o Flamengo só perde este Campeonato Brasileiro para ele mesmo.

Neste momento, usar a cabeça é tudo. Estamos disputando três competições, todas muito importantes, mas é bom lembrar que para isto, temos um bom e numeroso elenco. A hora é de bom senso.

Este negócio de colocar ou não o time principal é relativo, haja vista o jogo contra o Grêmio, que, com o time reserva, nos venceu por 2 a 0.

O resumo da opera é que, até para poupar, decidir certo é determinante. Será que contra o Grêmio era hora de poupar alguém? Será que contra o Grêmio o time foi bem escalado? Cabe, Paquetá, o nosso mais agudo e criativo jogador, continuar jogando de volante?

E o centroavante, hein? Que problema… como não sei ficar em cima do muro, sem Guerrero, só vejo duas alternativas. A primeira, apelar para o improviso, com Vitinho como falso centroavante e Marlos, pela esquerda.

A segunda, é promover o melhor centroavante do Flamengo que, a meu conceito, é Vítor Gabriel. Não acredito em nenhum outro como solução definitiva.

Continuo levando fé. O líder foi tomar um cafezinho e, já volta!!!

Retornar para Kléber Leite