Que São Judas os ilumine

E lá fomos nós para Fortaleza, onde amanhã, às sete da noite, vamos defender nossa posição na tabela, diante do Ceará.

Como nosso elenco não é pequeno e, com boa qualidade, fica a sensação clara de que, independentemente das opções do nosso Portuga, há no ar a quase certeza de que o nosso final de domingo será de pizza, sem engasgos.

Enquanto uma turma corre atrás no Ceará, outra estará por aqui, tentando resolver o “complicado” tema Cuellar.

Vamos torcer em frente dupla. No campo, no Ceará, pelos jogadores. Fora das quatro linhas, no Rio, para que nossos dirigentes e Cuellar se entendam, e que o Flamengo, que já não contará com Arão, possa ter o colombiano contra o Inter.

Que São Judas inspire os que estarão no campo e, fora dele. Missões distintas, porém decisivas para nosso duplo sonho.