Futebol à Manivela, Rádio Globo – 15/07/2017

Hoje, a Rádio Globo relembrou momentos muito especiais da trajetória de Kleber Leite no radiojornalismo brasileiro. O programa ficou muito bacana e descontraído, com várias histórias interessantíssimas.

Imperdível!

1 Comentário

  1. Caro Kleber, não sei se você lembra dessa passagem:
    Eu não lembro se foi na Rádio Tupi ou na Globo, uma passagem muito engraçada que eu não esqueci.
    Após um lance do jogo, um repórter que eu não lembro o nome, após narrar o acontecido, devolveu a palavra ao locutor e se referiu a um dos patrocinadores (Tubo e Conexões Tigre) da seguinte forma:
    “Tigre e Conexões Tubo”
    Trocou tudo. Foi uma risada geral.
    Um abraço,

    Reply
  2. Caríssimo presidente,
    Que prazer reviver aquele tempo! Cresci ouvindo os incomparáveis Waldir Amaral (“você ouvinte é a nossa meta…”) e Jorge Curi (“é golaço!!!). Como não lembrar de você e o Loureiro no campo, o João Saldanha, Luis Mendes, Mario Viana, entre tantos outros monstros sagrados do rádio esportivo. Com todo respeito aos profissionais de hoje, não há como comparar aquele timaço com os que aí estão.
    Infelizmente, todavia, a chamada “nova radio Globo” acaba de enterrar o que ainda restava daquele modelo de rádio esportivo. Vida que segue.
    SRN

    Reply
    • Meu querido!
      Acordei de uma porranca absurda, levei o meu cel para uma caixa de som da melhor qualidade e, ouvi babando os CAUSOS do amigo. “Conheci” todos os personagens mencionados pelo guru. Fora vc, o que mais gostava era o Loureiro Neto e, o mais mala de todos, Deni Menezes, o tricolete. Só achei estranho não aparecer o nome do Apolinho. Foi antes de vc?
      Enfim, isso é uma matéria pra ficar pendurada no Blog por meses. Até mesmo, SEPARADA dos posts diários.
      Sua indignação com a saída do Gérson foi idêntica a minha. Se bem, que ele só foi o cara, no Botafogo.
      Parabéns como sempre, pela facilidade em se expressar com tanta paixão.
      Meu amigo, já com a vida resolvida, continua fazendo parte dos “pés sujos” da vida e, sempre colocando em 10° plano a arrogância e o elitismo.
      Com certeza, razão pela qual, TODOS te admiramos muito.
      Enorme beijo no teu coração, amigo ser humano da melhor qualidade. ❤

      Reply
  3. Isso era jornalismo de verdade, grande referência, hoje em dia qualquer bloguinho se acha (com todo respeito a esse canal que tanto gosto, claro, rs…).

    Reply
  4. Que maravilha !!!
    Isso é verdadeira máquina de se voltar no tempo.
    Lembrar de uma época em que o Brasil era diferente e….muito melhor!!!
    Não tinhamos computadores nem celulares.
    Mas tinhamos o radinho de pilha, colado no ouvido, sintonizado na Globo e no seu timaço. Kléber era um dos meus favoritos. Objetivo, claro, com ótima fluência e sempre muito inteligente. Inspirou muitos profissionais, mas nenhum chegou nem perto.
    Tempo bom !!!

    Reply
  5. Eu morro de saudades do tempo em que o “ENQUANTO A BOLA NÃO ROLA” tinha Gerson, Luiz Mendes, Ronaldo Castro.

    Todo domingo tinha uma rotina a cumprir. Ler o jornal bem cedinho era o primeiro passo. Assistir a Fórmula 1 em seguida. Colocar fogo na churrasqueira e ligar a latinha para ouvir a Globo.

    Demorei muito para gostar da pegada que dava o Eraldo Leite, quando substituiu Ronaldo Castro.

    Atualmente a política da Rádio Globo é pulverizar o talento. Mandou embora todos os grandes comunicadores que eu gostava. O último foi o Antonio Carlos.

    Perdi totalmente o tesão.

    Reply
  6. Muito bom o programa.Acompanhei o seu trabalho no radio,e aos domingos na abertura da jornada,aguardava as noticias que iriam “bombar” durante a semana.È claro que o tempo foi curto,para tantas outras citações,causos,histórias interessantes,mas senti falta de uma intervenção menor que fosse do “velho apolo” Washington Rodrigues a quem considero uma marco na história do rádio.
    Valeu Kleber !!!
    ABS.
    SRN.

    Reply
  7. Amigos, queridos,
    A matéria foi editada. Claro que registrei a presença do Velho Apólo, como um gênio do Radio. Infelizmente, Radio é tempo e, não deu para entrar a Matéria toda. Aliás, vou tentar a gravação na íntegra e colocar aqui no blog.
    Abraçâo.

    Reply
  8. Kleber gosto demais da Rádio Globo mais eles acabarem com o Enquanto a Bola não rola no domingo foi demais viu ficamos órfão de um baita programa Esportivo nas tardes de Domingo.

    Reply

Comente.