Hora de mudar

(Foto: Gilvan de Souza / Flamengo)

Na vida, há hora pra tudo, inclusive para mudar.

Hoje, Zé Ricardo começou o jogo com o fato novo de entrar com apenas um volante. O escolhido, dentro das circunstâncias, foi o menos indicado. O combatido Márcio Araújo ou, o não tão combatido Cuellar, seriam mais adequados, já que combatem e desarmam com muito mais eficiência do que Arão.

Como a maré não está pra peixe, foi exatamente uma falha de Arão que redundou no primeiro gol do Vitória.

Quando abriu mão de um segundo volante, Zé Ricardo tinha que colocar mais um meia ou um atacante. Optou por mais um atacante, elegendo Geuvânio. Como imaginava ele que o Vitória jogaria fechadinho, entendeu que um jogador mais técnico seria mais útil do que um de velocidade e, acredito que por isso, não começou com Berrío. Em tese, faz até sentido, só que Geuvânio não jogou nada. Dentro do pensamento do treinador, Vinícius Júnior seria melhor opção.

Para complicar ainda mais, os jogadores que vieram para desequilibrar tiveram uma manhã
pouco inspirada. Diego, mais recuado, em função da nova montagem do time, e Éverton Ribeiro, muito abaixo do esperado.

A hora é de acordar, se render à realidade e tomar as providências necessárias. Não há mais clima para Zé Ricardo continuar. Acho até que tomará ele a atitude de entregar o cargo.

Não ocorreu na coletiva, mas quem sabe amanhã?

 

1 Comentário

  1. Ué a má fase não era culpa do Rafael Vaz, do Marcio Araujo e do Gabriel ? Qual deles estavam em campo hj ? A torcida precisa parar de jogar a culpa sempre nos jogadores, quando o problema é na armação da equipe e na falta de sangue nos olhos do técnico e do presidente. E eu que achava que o Rodrigo Caetano tbm tivesse sangue de barata assim como os 2 citados acima me enganei quando fiquei sabendo da cobrança que ele fez depois da derrota do Santos na copa do Brasil. Ele mostrou ter culhões, coisa que nosso mandatário e treinador não tem . Inclusive na minha visão depois da entrevista do Bandeira citando seus protegidos ele passou por cima das cobranças do Rodrigo Caetano.

    Reply
  2. Presidente..A culpa não é do ze ricardo..hj foi a meldorado escalação. …Os jogadores não corresponderam…pena que no próximo jogo..Não teremos éverton e Diego…. pois o time que jogou hj deveria ser repetido….E esse goleiro hein

    Reply
  3. E agora José? Estamos três meses atrasados. Na eliminação precoce da libertadores, era o momento ideal. Mas não há mais clima, sem contar, não há mais condições técnicas. Além do treinador, uma troca de toda comissão técnica, seria o ideal. De preparador físico, auxiliar, supervisor, treinador de goleiros ( pra mim o pior de todos) pois todos goleiros do Flamengo, tem os mesmos defeitos. Um supervisor de futebol, enfim só a mudança de treinador, não será suficiente.
    Apostaria em Reinaldo Rueda. Pois infelizmente não nada que valha a pena no mercado a nível nacional.
    Radamés no momento tem muita razão. 2017 praticamente acabado. Mesmo com copa do Brasil e sul americana para disputar. Agora o pq de Reinaldo Rueda: Flamengo tem 6 estrangeiros, facilitaria a adaptação. É acostumado a torneios mata; campeão da libertadores é finalista da sul americana e campeão colombiano que as finas São no sistema mata mata também. E não usaria a desculpa que outros técnicos não deram certo, pois nenhum outro que veio teve um elenco tão forte como o do Flamengo atual. Pior do que está no momento, quase impossível. Então diretoria que fora do campo tem sido brilhante, que nas últimas contratações foi bem, está na hora de ousar. Esse é o momento.

    Reply
  4. Kleber até então o culpado pelos nossos insucessos era o Márcio Araujo.
    Até então estavam chamando o Guerrero de Tuta Peruano. Ambos fizeram muita falta no jogo de hoje. Esse time que entrou em campo hoje não é time do Zé Ricardo e sim o time que os corneteiros queriam. O erro do nosso treinador hoje foi o de ceder. Por outro lado, Geuvânio, Ewerton e
    Diego não jogaram rigorosamente nada. Sou contra mudunças na comissão técnica. Estamos em fases decisivas na Sul americana e na Copa do Brasil, dois mata-matas, e o bom senso não aconselha mudanças de comando técnico. em 2009 terminamos o primeiro turno em décimo terceiro lugar e no segundo turno fomos campeões.Temos que aguardar e torcer.

    Reply
  5. Time começou bem, mas depois da parada técnica caiu. O gol mesmo foi um balde de água fria.

    Não acho correto colocar a culpa dos fracassos no treinador, até pelo fato do Flamengo criar muitas chances claras de gol. No entanto, concordo que é hora de mudar. Só não vejo nenhum nome decente para o momento.

    Luxemburgo é esquecer o passado recente dele no Flamengo quando seu time brigava para não cair, quando ele queimou o filho do Bebeto na Copa do Brasil e quando criou clima com o Ronaldinho, resultando numa ação gigante na justiça. Jayme também não dá. Oswaldo, Cristóvão, Ricardo Gomes sem chances. Estrangeiro com jogo a cada 3 dias é burrice.

    Eu tentaria o Carpeggiani até dezembro, mas acho que ele acabou de ir pra China.

    O cenário é preocupante, mas sem essa de abandonar o Brasileirão, pois se o título ficou impossível, é preciso conquistar vaga na Libertadores.

    Reply
    • Henrique.
      Compare a estrutura que o Luxa tinha com o que o Zé Ricardo tem atualmente, faça uma análise balanceada das condições de trabalho de cada um…

      Chega uma hora que qualquer mudança é melhor, ademais, quem imaginaria que Andrade e Jayme seriam campeões? Que papai Joel daria aquela arrancada???

      Reply
      • Diego, pegue o histórico do Luxemburgo nos últimos 10 anos e veja o que ele conseguiu, além do caos que ficaram os clubes após sua saída.

        Daniel, se o Vizeu faz as chances claras que ele teve hoje (2) e contra o Santos (2) talvez estaríamos falando que o Zé é um gênio. O time cria, é fato. O Corinthians chuta 1 vez no gol por jogo e faz 2 com o Jo que foi motivo de piada quando voltou no ano passado.

        Agora, eu não sou contra a saída do Zé desde que haja um bom nome e minha opinião sobre quem seria já dei.

        Exceto contra o San Lorenzo, em nenhum outro jogo o Flamengo foi totalmente dominado pelo adversário por um longo tempo.

        Mas futebol é bola na rede, tanto que no Brasil agora a moda é se defender e dar a bola pro adversário pra tentar um contra-ataque.

        Reply
        • Prezado Henrique, você já está crucificando o Vizeu? Fala sério companheiro. Vamos então aos fatos:Se Diego tivesse feito os gols contra o Palmeiras no penalti e no Corinthians, e se o Guerrero tivesse feito o gol também contra o Santos antes de sair, onde estariamos?
          Muito facil pegar um jogador da base que não tem sequência e sem ritmo de jogo, ser o responsavel pela derrota.
          Vamos acordar e ser bem claro: Diego é apenas um bom jogador, assim como Everton Ribeiro, Guerrero numca foi artilheiro de nada, apenas um pivô ou poste, que ganha R$900.000,00, ridiculo custo beneficio. Quanto a Geuvânio, prefiro o Lucas Paquetá, que também não tem sequência e sem ritmo de jogo.
          O Vizeu que você crucificou, é melhor que Guerrero e Damião.
          Quem não pode errar são os figurões citados acima, pelo status que vieram e o investimento, eles sim, tem que dizer para o que vieram.
          Sds rubro-negra.

          Reply
        • Se o Vizeu fizesse os gols contra Santos e Vitória e o Diego contra o Corinthians e Palmeiras, nessa hora estaríamos no céu e a imprensa paulista tendo que “nos aturar”. SRN

          Reply
    • Henrique,desculpe,mas,ao meu ver, o amigo está defendendo o indefensável,fazendo comparações,digamos, injustas. Sou contra a contratação de Luxemburgo,mas olhe o elenco que ele tinha,a estrutura e o tempo que teve. Esse negócio de queimar filho do Bebeto,não seria o Sávio contra o S.Lorenzo? Não seria a insistência em jogadores que falham repetidamente? A tal falta da meritocracia?

      Olhe o que o Fla faz em campo,reveja com calma os jogos,acho impossível não perceber como o time é mal treinado e tem potencial imenso mal explorado. Desde de 2016,as deficiências e a falta de repertório é a mesma! Não vou repetir aqui as deficiências pois você sabe que já explicitei N vezes aqui,mas há quem se deixe enganar com posse de bola estéril,jogadas individuais que resolvem e “domínio” no abafa.

      Dizer que os problemas do Fla se resume em oportunidades perdidas é o caos,é dizer que Jô,Romero,Fernandinho,Pimpão e cia são exímios finalizadores em seus times que precisam de 2 finalizações para fazer um gol,olhe a maioria(pois não é todas) das jogadas que antecedem os gols de Corinthians e Grêmio,por exemplo,verá que o problema do Fla não se resume em penais perdidos e finalizações erradas. Criar muito ás vezes não é criar com qualidade.

      Concordo sobre Oswaldo,Jayme…. Mas a tarefa é antever os fatos,já em 2016 ficou perceptível a incapacidade de ZR,eu e alguns amigos alertamos,fomos condenados de cornetas,afinal,como julgar um time que ficou em 3º? Pois é,de lá para cá o Fla perdeu Abel e Cuca,por exemplo. Porém se o Fla tem tanto dinheiro assim,não vejo problema em sondar técnicos empregados,por exemplo.

      Reply
      • Perfeito Daniel. Na época que o Luxemburgo treinava a Fla, o São Paulo, tentou tirar o “péssimo” treinador do nosso time. Acrescento que não entendo essa ditadura que pra contratar técnico tem que ter ganho algo ano passado e não pode ser estrangeiro.

        Reply
  6. Caros Amigos ,

    Precisamos:
    Ganhar 5 jogos no brasileiro para escapar ou duas vitórias e nove empates.
    Salvar a temporada na Copa do Brasil ou na Sul-americana.
    Para tentar isto, devemos fazer o que devia ter sido feito em dezembro do ano passado ou seja preservar o futuro do Zé Ricardo o substituindo.

    Reply
    • Radamés meu caríssimo! Tbm estou nesta conta entre os 41 aos 45 pontos em 1o. lugar!

      Outra, o time esta com o psicológico em frangalhos, é necessário fazer 1o. um trabalho de recuperação deste grupo de jogadores.

      Falar em Rueda neste momento me parece até irresponsabilidade. Um técnico que mal (se fala) português, vaidoso de renome internacional, não conhecedor tanto do elenco rubro-negro como do futebol brasileiro em geral.

      Deixaram a bicicleta parar, e bicicleta parada cai, essa é a formula que os times rebaixados seguiram, com má gestão do futebol, ora por excessos, ora por omissão!

      Necessitamos de uma realidade pés no chão nesse momento, não é momento para UFANISMO ou BRAVATAS VAZIAS, precisamos de um técnico indiscutivelmente competente, experiente e que tenha uma forte abordagem psicológica. Neste contexto eu só vejo um nome, o de WANDERLEY LUXEMBURGO, sendo que admito o DINIZ como arriscada aposta (outro técnico de forte abordagem psicológica).

      Reply
  7. Prezados.
    Confesso que o Zé Ricardo tem me surpreendido. O achava fraco, mas pensava que conseguiria ao menos manter o time no G4. Mas o trabalho é tão horroroso que até no G6 passamos a ter riscos. Grito Fora Zé Ricardo desde dezembro/2016, agora então…

    Será que ainda existe alguém que em sã consciência ainda defenda o “trabalho” deste estagiário? Considerando que Zé foi o ÚNICO que pegou bons investimentos, estrutura TOP e elenco grande, é certo dizer que é o nosso PIOR treinador dos últimos 20 anos.

    Essa Diretoria é ótima na gestão, mas em termos de futebol flertam constantemente com o fracasso, DNA de perdedor! Além disso, a vaidade e a soberba não os permitem enxergar a necessidade de mudança, estão em cabo de guerra com a imprensa que critica e com os “falsos rubro-negros”.

    Por fim, digam aos amantes do EBM, que NÃO É DELE o projeto de recuperação do Flamengo!!!

    Reply
  8. Antes de falar do jogo medíocre, gostaria de ressaltar que o Flamengo já entrou em campo derrotado, pois na tal “badalada reunião”, o presidente E.Banana de Melo desperdiçou a chance de colocar o grupo no eixo, e DEMITIR os marajás R.Caetano e Fred Luz . Enquanto não tiver HOMEM no departamento de futebol, a troca de treinador será inútil.
    Quanto ao jogo, concordo que Z.Ricardo se perdeu e perdeu o comando, mas será que ele tem culpa na contratação de Arão; Geuvanio, Trauco, Pará, Berrio ? Será que ele tem culpa na apatia de jogadores como Rodolfo, Diego e E.Ribeiro? Será que ele tem culpa na falta de pontaria de Vizeu? E o tão “badalado” Goleiro? Putz ! Mais um fiasco!
    Vejo que o ciclo de Z.Ricardo chegou ao fim, mas espero que não venham com técnico estrangeiro , nem Luxemburgo…talvez o ideal seria Carpeginai ou René Simões.
    As vaias a Diego são merecidas, ganha milhões e mais uma vez não jogou nada !
    Demitir só Z.Ricardo não resolverá….fora R.CAETANO !

    Reply
    • Esqueceu do Mozer ?
      Zé Ricardo não é o culpado ! Culpado é quem colocou e mantém ele lá. Fora Zé Ricardo ! Fora Rodrigo Caetano ! POR UM FLAMRNGO VENCEDOR!!!!!

      Reply
  9. A dificuldade de resolver o problema esta no fato de que o grande culpado e considerado por parte da torcida e associados como um herói. Trata-se de EBM, um rubro-negro apaixonado mas com características de personalidade que nao lhe permitem fazer o obvio, alem de seus parcos conhecimentos de futebol. Dirigindo o futebol, sua performance e tetrica. Ele deveria renunciar a VP de futebol, escolher alguem do grupo dele para o cargo e contratar um coordenador tecnico, que teria a funcao de dialogar com o ZR, oxigenar suas ideias, ajuda-lo a ousar em alguns momentos e evitar que suas próprias convicções o atrapalhem. Com perfil para este cargo, vejo 3 nomes: Papai Joel, Paulo Cesar Carpegiani e Paulo Roberto Falcao.
    O Papai conhece o clube como poucos. E o treinador com a melhor performance no Flamengo desde 2000. Para treinador nao da mais, mas para esse cargo cairia como uma luva, desde que com um comando que deixe as coisas bem definidas.
    Carpegiani e uma lenda do clube. Conhece muito bem o clube, vem de grande trabalho no Coritiba. Acho que poderia ajudar o ZR a encontrar um equilibrio.
    Finalmente, Falcao e um cara so futebol, com grande experiencia no futebol. Como treinador nao teve sucesso, salvo na Selecao, onde teve resultados razoaveis com uma equipe muito nova, ainda que sem titulos. Quer trabalhar, parece ter um perfil de dialogo, gerencial, nao conhece o clube nas entranhas como os outros, mas nao e algo que possa comprometer tanto se houver bom senso.
    O problema e que EBM provavelmente vai escolher um perfil como CelsoRoth, efetivar o Jaime ou trazer o Jorginho. Ai, ninguem aguenta.
    Precisamos de um fato novo e esse coordenador pode ser o necessário.

    Reply
  10. Os jogos do Flamengo parecem de um time em que o técnico acabou de chegar no meio de semana,distribuiu os uniformes e foi para o jogo. Os problemas,claro,continuaram,os mesmos,desde 2016,problemas coletivos,mostrando que não é uma simples troca de jogador ou apenas falhas individuais que são principal problema,o problema é organização defensiva, falta de triangulações,tabelas,jogadas trabalhadas e ensaiadas,tudo isso é tarefa do treinador. É cansativo repetir.

    Um treinador ruim que utiliza mal seus jogadores,fazem com que rendam muito abaixo do que podem,é o caso de ZR. O problema vai além da bola entrar ou não,de penais errados ou não,quem dera fosse só isso,o time é um bando que se defende mal e no ataque faz chuveirinhos ou torce para uma jogada individual de seus craques que já salvaram a pele de ZR várias vezes. Só falta quem defende ZR dizer que o elenco do Vitória era melhor,parece que não querem enxergar a realidade.

    Demite e traz quem? Pois é,justamente por isso deixei claro desde 2016 que ZR deveria ser o auxiliar fixo e que contratassem alguém preparado,de lá para cá perderam Abel e Cuca.Agora,vendo o time jogar é perceptível que não existe trabalho do treinador,que ele fique até o fim do ano e o Fla aprenda com o erro que fez ao mante-lo no fim de 2016. EBM continuará protegendo seu pupilo,coisa que não fez com nenhum dos antecessores de ZR que possuíam estrutura pífia e elenco horroroso.

    Reply
  11. Quem? Quem? Quem? Quem?????? Jaime, Andrade, Carpegiani, Celso Roth, Cristovão, Ricardo Gomes, Paulo Autuori, Dunga Jorginho, Leão, Rogério Ceni, Papai Joel, Fernando Diniz ( quem é Fernando Diniz?), Oswaldo de Oliveira e sua esposa, o velho lobo Zagallo, quem sabe eu possa ser o técnico. Eu (quem sou eu? Apenas um torcedor que mora no município de Jaguaré no norte do estado do Espírito Santo, e que partir de hj não gasta um centavo pra comprar nada do Flamengo, porque não merece.

    Reply
    • Pq? Porque falta pela direita ele tem que deixar o Éverton Ribeiro Bater, pq ele tem que dar velocidade e parar de pentear a bola, pq ele quer ser dono do time mas na hora que a bola bate nos pés dele na hora decisiva ele pipoca, pq tem um monte ….FALTA BOLA.

      Se temos que caçar bruxas, temos que ser justos e o Diego depois da contusão não e nem sombra do Diego que conhecemos.

      SRN

      Reply
  12. Caro Kléber!
    Qualquer mudança agora pouco adiantará, mas, antes tarde do que nunca.
    O ZR é vítima do futebol. Passado um ano e pouco de comando, vem a desmotivação, as intrigas, a preguiça, a falta de foco e tudo mais.
    O ZR também é vítima da estabilidade do emprego, a garantia que nunca sairá e que é um grande estudioso o deixam na zona de conforto.
    Vou mais longe. O Flamengo não impõe mais respeito, perdeu identidade, perdeu o rumo do gol.
    O Flamengo contratou muitos jogadores e alguns deles de renome, mas, em campo, parece muitas vezes uma seleção e muitas vezes time de pelada.
    Nos resta completar 48 pontos e fugir de qualquer possibilidade de rebaixamento e mais nada.
    É hora de mudar em função da confiança que acabou. Esse time não está unindo com ZR. A vida é assim. O futebol é assim.
    O EBM conseguiu acabar com um ano que parecia ser mágico.
    Próximo jogo vamos ressuscitar o galo.
    SRN

    Reply
  13. Enquanto tivermos um presidente apático , ignorante, no sentido de não ser conhecedor do futebol e teimoso teremos essa sensação de impotência a cada rodada, isso definitivamente não é Flamengo. Será que esse senhor perdeu a noção ? Sua vaidade tá passando os limites do bom senso !!!! Acorda Bandeira , vc é limitado , pegou um projeto andando e quer ser protagonista na marra , nunca será .Pelo amor de Deus , delegue e preserve você e nosso Flamengo !!! Chega!!!!!

    Reply
  14. Ta na hora de mudar,para tentar ganhar a Copa do Brasil.Penso que o ideal seria trazer WL em um contrato até o fim do ano.Defendo esse nome pelo fato de saber trabalhar com medalhões.Ele está motivado,fazendo um bom trabalho no limitado time do Sport. SRN

    Reply
  15. Amigo Kleber,
    Do mesmo jeito que quando um jogador de má qualidade técnica, sem a menor capacidade ou até mesmo característica de vestir a camisa de um clube como o nosso (salvo, condições financeiras, como já aconteceu antes) é escalado a culpa é do técnico, quando este também demonstra, em determinado momento, a incapacidade de treinar o time, a responsabilidade passa a ser de quem o contratou. Nesse caso, a responsabilidade é 100% dos gestores atuais do Clube de Regatas do Flamengo. Nosso time, no papel, tem um dos, se não o melhor elenco do Brasil que não justifica essa teoria em campo. A grande questão é por qual motivo essa afirmação não está se justificando nas quatro linhas? Será só a falta de experiência do técnico? E os principais jogadores? Será que vieram pra somar ou simplesmente embolsar uma quantia vultosa de dinheiro enganando com un futebol de quem não possui mais ambição na carreira? E a Gestão? Será que os que dirigem o Flamengo hoje são todos “Gordos Ricos na Boate”? Acho que no Flamengo, não é de hoje, falta tudo isso: Hierarquia, ordem, treinador, disciplina tática e técnica. Sabias foram as palavras do nosso Galo: o Flamengo é um time superestimado. Como sócio – torcedor e torcedor a única coisa que exijo de quem comanda, quem treina e quem joga são duas frases:
    Vencer, vencer, vencer!
    Uma vez Flamengo, Flamengo até morrer!
    SRN.

    Reply
    • Sim. Treinador inepto. Mas também péssima contratação de jogadores em fim de carreira, caros e refugos:
      Diego: bi-refugo: da Alemanha, da Itália e do Atlético de Madri. O Simeone afirmara que ele não servia mais para um time de ponta;
      EvertonRibeiro: refugo da península arábica (Emirados ou Arábia Saudita!);
      Geuvânio: refugo da China! (Conca, idem, ibidem)
      Réver e Juan, refugos do Internacional da série B. Idem, Pará.
      Renê, reserva do “xporti”.
      Rômulo, refugo da Rússia;
      Rhodolfo, refugo da Turquia!
      Diego Alves, refugo do Valência.
      Trauco, Cuéllar, Berrío, jogadores provenientes de centros latino-americanos sem expressão; Mancuello, jogador de segundo plano na Argentina.
      Rafael Vaz, reserva do Vaso de Grama.
      Rodinei, proveniente de um clube menor de SP, a Ponte Preta.
      Guerrero, refugo dos Gambás.
      Sem falar dos refugos que já saíram, gênero Damião, Cirino, Canteros, Mugni, Emerson, etc. E dos que ainda aqui estão, Gabriel, Caramujo.
      Com isso tudo, queriam o quê?
      E o vaidoso e pouco inteligente ebm segue dando força total a um sujeito como o tal do rodrigo caetano; e, antes, a um certo ximenes que nos fez perder, de graça, para uns árabes, o Brocador.

      Reply
  16. Temos que parabenizar o dono do clube, nosso grande Eduardo Bandeira VAIDOSO de Melo. Sujeito arrogante e oportunista com cara de cordeiro.

    Reply
  17. Então sejamos sinceros: mudamos o tecnico, demitimos o Ze Ricardo e quem contratariamos para seu lugar, tendo jogo quarta e domingo sem treinar? Não vejo sentido nisso. Ja tinha pensado em um auxiliar para o Ze Ricardo e penso que o Andrade poderia ser esse auxiliar. Ze Ricardo tem falhado, sim tem, mas vamos ao ponto: Diego tem falhado muito mais, Guerrero tem perdido muito gol e a torcida que exigia o Vizeu, agora vai exigir quem? Marcio Araujo não querem, Ze Ricardo colocou o Arão ali e para azar, ele que entregou o primeiro gol. Ze Ricardo não bate penalti, não chuta a gol. E agora? Só o Ze é o culpado da ma campanha? Sou contra troca de tecnicos, mas queria que indicasse quem poderia substitui-lo? Não vejo ninguem melhor do que o Abel, embora ele agora não tem cabeça para nada. Não temos tecnicos disponiveis e se eu fosse contratar um tecnico hj, seria o Renato. Mas repito, prefiro que o Ze fique.

    Reply
  18. Os textos e os comentário publicados nos últimos meses neste e noutros sites demonstram que nós, rubro negros, enxergamos vários problemas e várias possíveis soluções pro futebol do Flamengo.

    Não é um problema e não é uma idéia de solução.

    Cada torcedor e cada jornalista identifica diversos problemas e propaga diversas opções de solução.

    Não é só o EBM, ou RC, ou Mozer, ou Fred Luz, ou Fernando Gonçalves (que seria tricolor), ou ZR, ou elenco, ou time titular, ou MA, ou Arão, ou outros jogadores em específico, ou o melhor do time (Diego), ou diversos outros apontamentos.

    Tem gente pedindo até pra voltarmos a mandar jogos cada rodada em um estádio, tem gente que torce por derrota, tem gente que torce por eliminação e tem gente que já jogou a toalha.

    Uns pedem a saída do treinador, outros pedem a saída de dirigentes e outros a saída de jogadores.

    Tem gente que ainda quer novas contratações de jogadores e vários treinadores são indicados, mesmo que não sejam referência por seus últimos trabalhos e mesmo que já tenham tido péssima passagem pelo Flamengo.

    A diretoria deve atender a todos?
    Deve atender a algum ou alguns?
    Bastaria uma ou outra mudança?
    Ou deve manter sua convicção, mesmo que isso claramente não resulte em bons resultados?

    Não dá pra mudar tudo e escolher o que deve ser mudado não é tarefa fácil.

    É muito difícil dizer e decidir, apesar de parecer fácil, quando lemos alguns comentários tão convictos, mesmo que sejam de torcedores que obviamente não vivem o dia a dia do clube e, por isso, não possuem a menor credibilidade para exigir mudança.

    Podemos torcer e opinar, mas é impossível que nossa opinião seja minimamente técnica e amparada na realidade de planejamento e gestão do clube. Portanto, o torcedor que crava uma solução está sendo ridículo. Pode até acertar, mas seria majoritariamente acaso.

    Minha opinião é de que o técnico possui boa teoria e boas convocações. Mas lhe falta repertório e sensibilidade para ignorar suas convicções e fazer o básico para respirar. Futebol é momento e o nosso momento pede midanca de esquema. Jogar fechado atrás e no meio. Com dois atacantes, como já mencionei em outras postagens.

    Todos ali são culpados pelos resultados, começando pela diretora em maior responsabilidade, passando pela comissão técnica, depois jogadores e também torcida.

    Por fim, acredito que esse grupo EBM, RC e ZR não vai ganhar muito no futebol.

    Mas o que o EBM fez e faz na administração do clube é de muito valor e talvez compense essa falta de resultado.

    Quando mudar a diretoria, tomara que o grupo do futebol seja melhor, mas que o grupo da administração continue tão bom ou melhor que o atual.

    SRN

    Reply
  19. Tem que se controlar muito para não xingar! Irritante essa insistência do Bandeira com o Zé Ricardo. Decisão amadora de colocá-lo na coletiva após o jogo planejando as próximas partidas, mesmo que continue no cargo. Digo isso porque não há duvida de que a pressão será enorme pela sua demissão e, caso o presidente seja convencido de que a degola é o melhor caminho, terá sido mais um “mico” da diretoria.
    Apesar de quase uma vida dedicada ao BNDES, gostaria de avisar ao Bandeira que o nosso treinador não é concursado, portanto não goza de estabilidade. Ele pensa que o Flamengo é uma estatal. Chega dessa IDIOTICE de manter um trabalho que não está dando certo. Todas as condições foram dadas para que o treinador fizesse um bom trabalho, no entanto, em todos os jogos o time mostra-se desestruturado, um trabalho em regressão!
    Já que a chapa azul gosta tanto de linguagens e posturas empresariais, o que aconteceria se um diretor recebesse toda a estrutura e condição de trabalho e não desse o mínimo resultado esperado?
    A conclusão é óbvia.

    Reply
  20. “se o Vizeu faz as chances claras que ele teve hoje (2) e contra o Santos (2)”.
    Amigos, falamos muito no “se”, mas esquecemos que ele não entra em campo e não faz gol.

    Reply
  21. “Acho que não estão alinhados.”

    De quem é a culpa? dos volantes: Marcio Araújo e Arão, do ZR, do Gabriel, do Muralha, do Vaz, do Rodrigo Caetano? Certamente não só deles, mas vem primeiro de cima pra baixo e, tem nome: a filosofia de enxergar o futebol de EBM e Fred Luz.

    Vou retornar a 2015, demissão de Luxemburgo, onde ele disse:

    – O grupo é sensacional, muito bom, mas faltam dois jogadores para chamar a responsabilidade. Senão ficam só bons coadjuvantes. Isso eles (os dirigentes) não sabem. Desde o ano passado precisamos de referências. 

    “Felipe Melo e Adriano?”
    “Técnico renomado que chame a responsabilidade?”

    – A diretoria tem pessoas sérias, mas na relação de propostas ela é complicada. O Flamengo trabalha com grupo de gestor. Nós, eu e o Rodrigo Caetano, contratados, não somos ouvidos. O grupo resolve as coisas e não sabe nada de futebol. Podem ser competentes nas suas empresas. O Caetano fica de pés e mãos atados. Esse grupo veta tudo. Que experiência (os dirigentes) têm em futebol? Eles ganham prêmio, saem no NY Times, mas têm que ganhar prêmio no futebol, e o Flamengo é futebol.

    Querem pessoas que digam amém para eles. Não entendem de futebol, mas não podemos discordar deles. Fui demitido pelo grupo de gestores por causa disso. Saí como saiu o Jayme, o Ney Franco. Quando a situação aperta, tem que ter alguém que diga que o caminho está certo. Quando aperta no Flamengo, é mais fácil cortar aqui. Em 2016 vai ser o ano do Flamengo, eles falam.

    “Já estamos quase em 2018.”

    – Cheguei ano passado num momento em que Flamengo estava morrendo afogado. Não queria ter trabalhado ano passado. Vim porque achei importante para o Flamengo a minha chegada. Saímos da confusão. Não me arrependo. Não ir para a Segunda Divisão foi o grande título que ganhei, até mesmo para os gestores continuarem seus trabalhos. O orgulho foi não deixar o Fla cair, e não sou o culpado. Pega a história de Kleber Leite e Romário, Patricia e Ronaldinho Gaúcho, Marcio Braga e a falta de bola para treinar.

    “EBM, depois de cinco anos: dois carioquinhas e a copa do brasil. Ô, ô, ô, ô, nada mudou.”

    – Estão arrumando o Flamengo, e se arrumar não vai ter para ninguém. Se arrumar o Flamengo, acabou o futebol brasileiro! – Alexandre Kalil, presidente do Atlético Mineiro.

    “Kalil, hoje prefeito, arrumou o futebol do Atlético MG, e ele sabe do que diz, mas faltou apenas combinar com o grupo atual do Flamengo, ao qual o atual presidente almeja ser Governador.”

    Reply
  22. Boa tarde, amigos.
    Não vou falar do ZR, porque é ser repetitivo. Quanto ao nosso time, acho que realmente não é isso tudo. Os caras vivem falhando e perdendo gols fáceis e depois entregamos na defesa.
    Falando de gols perdidos, fica muito complicado quando temos um pivô e o reserva é bem mediano,e também como o titular, adora desperdiçar oportunidades. Nosso grande pegador de pênaltis não saiu nem na foto. Achei muito estranho a saída do Diego Alves da Europa. Ninguém se interessou por ele. Tem hora que acho que o Fla contrata jogadores na realidade paralela. Parece ser o cara, mas quando chega pra jogar não demonstra o mesmo futebol. Será que isso existe? Kkk.
    Juninho Pernambucano acaba de dar uma cutucada na torcida do Fla, dizendo que a torcida do Corinthians nunca vaia, mesmo quando o time está perdendo.
    Meta do Fla no brasileirão: fazer logo os 46 pontos. Quem diria!!!!
    SRN.

    Reply
  23. É, está indo tudo por água abaixo, mas, os defensores do Zé, acham tudo muito normal . Vamos em breve estar perto da zona de rebaixamento e o discurso não vai mudar. Esse timeco o Vasco venceu de 4×1 na casa deles. Hoje foi vergonhoso, não temos um presidente que entenda de futebol, um sub estagiário como técnico, um departamento de futebol, só com marajás que nunca mostraram valor para isso.
    E Ainda temos a notícia que o sub estagiário continua no cargo…para mim chega da arrogância do pagador de dívidas. Queremos nosso Flamengo de volta. Pela volta dos presidentes campeões! Por um time de DNA rubro negro. FINALMENTE POR UM TIME DE MACHOS !!!
    #FORAZERICARDO
    #FORARODRIGO CAETANO
    #FORAZERICARDO MARAJÁ MOZER
    #FORA ARROGANT6 EDUARDO BANDEIRA DE MELHOR!

    Reply
  24. Começo perguntando para os analistas de desempenho desse blog, e aí gostaram do desempenho de hoje, ou melhor, estão gostando do desempenho do ano? BRINCALHÕES!!!

    Sobre o técnico, mais uma vez mostrou que não tem a grandeza para dirigir um clube como o Flamengo!

    Técnico que não tem convicção alguma e hj em uma tentativa de jogar pra galera colocou TODOS os contratados do ano e barrou seu craque MA, mas todos sabemos que entulhar jogadores de ataque não é certeza de bons resultados.

    Mais uma vez um bando em campo, time sem criatividade, sem vontade, reflexo do nosso técnico.

    Esse será mais uma ano sem título e temos que tomar cuidado porque nem sei se ficaremos entre seis.

    Sobre a diretoria ERROU em não ter demitido o fraco treinador desde o vexame da libertadores.

    Obs.: Estamos tão mal, viramos chacotas que o péssimo Wallace tirou onda com a gente hj.

    Reply
  25. Bandeira, a tua arrogância, prepotência, está levando uma futura candidatura ao mundo político Zé ZERO !1
    Pela volta dos presidentes campeões!!

    Reply
  26. As vezes fico olhando, que pecado há em mudar de técnico??
    Quase todos os times que trocaram de treinador, melhoraram, pelo menos a tiro curto. Vitória, santos, Sport, Bahia, Coritiba, atlético/pr com excessão de SP e atlético/mg todos que trocaram, melhoraram, trás um novo ânimo, trás novidades, motivação extra. Enfim, não é pecado nenhum trocar o treinador, quando o trabalho não rende mais. E a copa do Brasil é um tiro curtíssimo, são quatro jogos apenas, sendo que dois são logo agora. Então esse é o momento. Em 2007 o nosso nobre presidente era o dirigente responsável, Ney franco o treinador e pelas palavras do presidente, era seu amigo também. Mas o time não rendia. Havia ganho o carioca a trancos e eliminado pelo Defensor do Uruguai e começava muito mal o brasileiro 2 vitórias em 9 jogos e a Torcida não queria mais o Ney, entrou o Joel e chegamos em terceiro no brasileiro. Em 2009 era cuca e amigo do presidente, entrou Andrade e Petkovic, o time melhorou novamente. Então prezados no futebol esse trabalho de longo prazo é muito discutível, sem apoio da torcida não vai chegar a lugar nenhum e hoje, Zé Ricardo não tem mais. Então está na hora, se quer tentar salvar o grande investimento feito esse ano. Se trocar já trás de volta o apoio da torcida. O único que manteve em um momento ruim e conseguiu alguma coisa foi o Corinthians em 2012 ( uma excessão). Tanto q ao final de 2013 demitiram o Tite, pois o trabalho estava estagnado. Bandeira não pode se apegar a excessão da regra.

    Reply
  27. Boa noite, li a maioria dos posts e chego a seguinte conclusão, o que precisamos fazer é acender aquela vela para São Judas Tadeu e Todos os Outros Santos, pelo simples motivo, a nossa bola insiste em não entrar e a nossa meta está desguarnecida, então, estamos lutando contra a história e, nesse momento, muita calma, fazer os pontos que garantam a primeirona, se pudermos libertadores e ano que vem novo planejamento, aí sim já com novo técnico e mudanças pontuais, agora, achar que o Zélia Ricardo ia conseguir fazer ER, Diego, Geuvanio, Diego Alves e os outros jogarem juntos em tão pouco tempo, coletivamente, é estar pedindo muito.SRN.

    Reply
  28. QUAL A DIFERENÇA ENTRE JAIME DE ALMEIDA, ANDRADE E ZÉ RICARDO ???

    Apenas uma:
    Os dois primeiros foram campeões no seu primeiro campeonato e depois sumiram…
    O Zé Ricardo, teve sua chance em 2016, não ganhou, e em 2017 também já sumiu…

    Conclusão:
    Esses “santos de casa” não passam de um “sonho de uma noite de verão”, são fracos, não têm comando, não têm conhecimentos técnicos suficientes, não são técnicos para o Flamengo, A DIFERENÇA É QUE O ATUAL SANTO DE CASA NEM SORTE TEM !!!

    Hoje, mais uma vez, tivemos um time MAL ESCALADO, um erro que normalmente todo técnico fraco e despreparado tem, escala um time com mais atacantes imaginando que será mais agressivo, com isso fica mais exposto e até para um time horroroso como esse do Vitória consegue perder.

    Em momento algum do jogo parecia que ganharíamos, em momento algum fomos superiores, talvez nos primeiros 15 / 20 minutos um pouco melhores, pelo simples fato de o Vitória só lá pelos 15 / 20 minutos ter entendido como deveria jogar, e nisso o Mancini foi preciso, na parada técnica orientou seu time para forçar a marcação no Diego e no Everton Ribeiro e a jogar com dois meias pelo meio, que foram Neilton e Yago, os melhores do Vitória, exatamente onde o Flamengo estava mais fragilizado pela péssima escalação do “grande Zé” com apenas um volante.

    APRENDE “GRANDE ZÉ”:
    MAIS JOGADORES DE FRENTE NÃO GARANTE QUE O TIME SERÁ MAIS OFENSIVO, PORÉM COM CERTEZA FICARÁ MAIS EXPOSTO E FRÁGIL NA MARCAÇÃO.
    ALÉM DISSO, FUTEBOL SE GANHA NO MEIO DE CAMPO, QUANDO FRAGILIZADO NESSE SETOR, DIFICILMENTE SE CHEGA A VITÓRIA !!!

    Hoje deveríamos ter iniciado com Cuéllar e Arão, mantendo a forma de jogo que já vínhamos atuando e mais, se era para entrar com mais um atacante, esse deveria ser o Berrío, que vem entrando bem nos últimos jogos, que está mais adaptado que o Geuvânio, que sinceramente não acrescentou nada ao time, por estar completamente fora de sintonia…

    Pelo que acompanhei até agora, 19:10 hs, não irão colocar um Técnico no lugar do Professor de Educação Física, se isso se confirmar podem ter certeza, como já afirmei em meu último post, NÃO ESTAREMOS NA LIBERTADORES DE 2018 !!!

    Precisamos agora de humildade, de menos prepotência (se é que o Bandeira consegue, depois de ser tão endeusado…), não temos boas opções disponíveis no mercado, em função disso essa humildade e nenhuma prepotência, serão importantes para reconhecer o erro de manter até hoje o “grande Zé” e também reconhecer que o Luxemburgo estava certo quando disse que essa Diretoria NÃO ENTENDE NADA DE FUTEBOL…

    ISSO MESMO, NA ATUAL CONJUNTURA DE POUCAS OPÇÕES, ELE MESMO, O VANDERLEI LUXEMBURGO É A OPÇÃO MAIS VIÁVEL PARA TENTAR SALVAR ESSE ANO, CONSEGUINDO, PELO MENOS, A CONQUISTA DA COPA DO BRASIL OU DA SUL-AMERICANA !!!

    Agora é com você EBM, ou mantém a arrogância habitual e não estaremos na Libertadores de 2018 ou, COM HUMILDADE, reconhece sua incompetência em relação à futebol e tenta salvar esse péssimo ano de 2017.

    SRN

    Reply
  29. Esse fraco do Bandeira não vai fazer nada, provavelmente está esperando uma revolta maior da torcida. Quando o número de sócios despencaram, ele vai começar a raciocinar, eles só pensam quando atinge o bolso do clube.
    Jorginho até o final do ano ou Luxemburgo, já pensando em 2018.
    Qualquer outra opção vai me fazer começar a contestar se Bandeira torce mesmo pro Flamengo.

    Reply
  30. Kleber, não sei se me equivoco mas a leitura de alguns posts, não muitos, uma meia dúzia ,me sugeriram que as próximas eleições do nosso Flamengo já começaram.

    Reply
  31. O técnico está perdido e não é de agora, desde que caiu da libertadores, é uma escalação por jogo , muda sem convicção só para diminuir as críticas. Agora ele e os odiados da torcida tem servido de bengala para outros que estão abaixo do que já renderam (Diego , Rever, Arão e Trauco). Porém não existe grandes nomes no mercado e eu se fosse dirigente traria ZICO. O Bandeira encerra o mandato com o maior ídolo da nossa história comandando um elenco estrelar , teria respaldo da torcida e aumentaria a cobrança para os jogadores.

    Reply
  32. Henrique, Zé Ricardo é qualquer um e outro no seu lugar é bem melhor. O que fez Zé Ricardo para merecer ser técnico do Flamengo e o que faz Zé Ricardo para merecer continuar, acho que você esqueceu que Jorginho foi campeão brasileiro pelo Flamengo como jogador, ganhou Copa do Mundo como jogador e foi auxiliar técnico em Copa do Mundo, manda aí o currículo de Zé Ricardo, o qual desde o ano passado repito aqui que o Flamengo não pode ser cobaia pra treinador. Essa intranquilidade, os gols perdidos… tudo é fruto do péssimo trabalho de Zé Ricardo que não conseguiu fazer o time vencer.
    Zé Ricardo é tão ruim como treinador que Renato Gaúcho tava jogando futvôlei nas praias do Rio de Janeiro e foi chamado pelo Grêmio para ser treinador e olha a posição do Grêmio atualmente nos vários campeonatos.
    Pra completar, a Chapecoense perdeu um time inteiro naquela tragédia, Vagner Mancine montou um elenco e conseguiu passar na bola da primeira fase da Libertadores.
    Acorda Henrique, estamos fora das duas principais competições deste ano, a Copa do Brasil Kléber Leite ganhou sem dinheiro e Pelaia também montou um time sem dinheiro e também ganhou.
    Zé Ricardo, Márcio Araújo, Gabriel, Rafael Vaz e Pará são ótimas pessoas, mas não são vencedores!
    Passou da hora dos BANANAS DE PIJAMAS darem tchau!

    Reply
  33. Paulo, arrogante por conduzir o maior clube do país como se dele fosse.
    Oportunista por surfar absoluto numa onda (reestruturação do clube) arquitetado por um grupo, como se autor da mesma fosse.

    Reply
  34. ZR, aprende a ouvir. A torcida queria e quer jogadores, que saibam marcar como um volante e jogar como um meia (Cuellar ou Rômulo e Arão ou Ronaldo), ou seja, que nenhum destes fosse o MA. Sei que estamos anos luz da Andrade e Adílio, mas facilita.

    Reply
  35. Zé Ricardo não é mais técnico. Não sei se pediu demissão ou foi demetido. Entre outras coisas, imagino que o Eduardo Bandeira de Melo não será mais considerado por uns e outros por aí como arrogante e oportunista.

    Reply
  36. A verdade, amigos, é essa aí, estamos virando um time de chacotas.

    Extraído do Blog do Menon

    https://blogdomenon.blogosfera.uol.com.br/2017/08/06/flamengo-tem-espirito-perdedor/

    E o pior é que o EBM já sinalizou que nada vai mudar na comissão técnica (espero que seja um blef). Tenho até dó desse Zé Ricardo. É um aventureiro que entrou numa piscina muito funda sem saber nadar bem. Deu algumas braçadas, mas foi ficando, ficando, ficando e chega a esse melancólico estágio de colocar o Flamengo nas manchetes como um frouxo metido a valente. Tomara que ele se dê conta de que ainda não está preparado para o tamanho da tarefa que lhe foi incumbida. Faça como o Bap sugeriu, peça para sair já que os que deveriam fazer isso não tem coragem para fazê-lo.

    Chega meus amigos. Para mim chega. Agora, não culpemos quem não tem culpa. Zé Ricardo foi uma solução caseira que era para ser temporária mas que acabaram efetivando. Exatamente por isso ele nunca foi unanimidade nesse blog. Há aqueles que o defendem mas a grande maioria não aprova seu trabalho. O Flamengo estagnou. Simplesmente parou nesse campeonato, que a propósito já foi para o espaço.

    Acho que não devemos culpá-lo. Apenas esperar que nossa diretoria entenda que não dá mais para seguir com ele. Foi o temporário que mais longevidade alcançou no futebol brasileiro nos ultimos tempos.
    E até que foi bem, considerando seu curriculo. Mas como dizem atualmente, é momento para se reciclar. Buscar maior experiência começando de baixo para cima. É muito raro um técnico arrebentar de cara começando num grande clube. Carille é uma exceção, mas tem uma longa bagagem de auxiliar de grandes treinadores renomados. Talvez lhe faltou exatamente isso para saber alcançar o sucesso que se lhe apresentou nessa oportunidade de ser treinador do Flamengo.

    Poupe-se Zé Ricardo e nos poupe também de tantos vexames.

    Reply
  37. Se os torcedores se frustam em ver um elenco desses com um sub-desempeno. Imaginem os JOGADORES.
    Vou falar 1000 vezes, até o Jô já disse e ninguem ouve, ou pior ninguem entende.
    O Corinthians aprendeu a CHUTAR NO GOL os outros times chutam no cantinho do GOL.
    Zé ricardo deu certo ano passado e errado esse ano. Quais ingredientes MUDARAM ? O Jayme não senta mais no banco com ele ? O Mozer parou de participar das atividades ? Os jogadores ñ querem mais o Zé ? Os jogadores ñ correm mais uns pelos outros ?
    Entendo as óTIMAS INTENçoes de nossa diretoria porem chegou a hora de REALINHAR o rumo.
    Me parece que os JOGADORES ñ querem o Zé Ricardo a eliminação na Libertadores fez os jogadores desacreditarem NELES e no Zé.

    Reply

Comente.