Engenharia Rubro-Negra

Muricy Ramalho

Muricy Ramalho

Pelo que ouvi hoje, no que diz respeito à intenção, existe, efetivamente, a possibilidade de num razoável espaço de tempo o Flamengo ter em campo um time próximo do que o torcedor sonha.

Claro que, estou falando de sonhos possíveis, que se encaixem dentro da realidade do clube. Embora com um orçamento de fazer inveja, a realidade é que o fluxo de caixa limita investidas mais ousadas. Há propostas por Éverton, Luiz Antônio e Samir. Embora as propostas sejam baixas, há o raciocínio de que sem esta entrada de caixa será muito difícil viabilizar algumas contratações que podem dar mais qualidade ao time. Aí é que faz falta alguém criativo para encontrar alternativas financeiras que não estão ao alcance da visão das pessoas normais. Aí, o talento faz muita falta. Aí, o Bap faz uma falta enorme. Não há como entrar neste tema e não lamentar a divisão deste pessoal tão bom.

Há três caminhos para ações imediatas visando um “poder de fogo” razoável para possíveis contratações. A primeira, chamando os parceiros comerciais do futebol, até porque, com bons resultados no campo, a caixa registradora de cada um deles ficará mais nervosa… Não estou inventando a roda. A Umbro, à época uma de nossas patrocinadoras, disponibilizou os recursos para as contratações de Bebeto e Lúcio.

A segunda alternativa é ir ao mercado atrás de clientes novos, com projetos envolvendo, ou não, jogadores que estejam na “alça de mira”. O terceiro é tentar, dentro do próprio mercado da bola, parceiros interessados em participar do investimento.

O momento requer muito cuidado. Abrir mão, por pouco dinheiro, de Éverton, Samir e Luiz Antônio, para contratar jogadores medianos, não me parece prudente. Seria na melhor das hipóteses para o Flamengo, trocar seis por meia dúzia. Agora, se o movimento de venda redundar na contratação de dois jogadores inquestionáveis, ou perto disso, vale o risco.

Também foi bom saber que tudo o que está sendo desenvolvido, ou que esteja em andamento, tem o aval de Muricy que, normalmente deve ser apresentado na terça-feira da próxima semana. Uma fonte ligada ao treinador me garante que Muricy ficou muito bem impressionado com a postura de Flávio Godinho, e que a relação entre eles está cada dia mais estreita. Isto é muito bom.

Quando há uma mesma linguagem entre dirigente e treinador, tudo fica mais fácil, pois onde há confiança recíproca tudo acontece ao natural e os bons resultados aparecem logo.

1 Comentário

  1. Tomara que desta vez o futebol toma uma direção , porque do jeito que está não vai ter sucesso. Sucesso depende de pessoas preparadas,experientes e unidas pelo mesmo objetivo.

    Reply
  2. SRN!
    Concordo que vende-los em baixa, poderá ser correr um risco desnecessário. O Muricy com certeza está observando todo o contexto e recebendo informações sobre esses jogadores e os que são do agrado dele no mercado. A aposta é alta! Vamos esperar o dia 7 e dar um voto de confiança a EBM.

    Reply
  3. Bom, embora não seja o nome ideal pro Flamengo, penso que dificilmente Muricy será pior que Luxemburgo; C.Borges; Ney Franco; Oswaldo de OLiveira… O nome ideal seria ABEL BRAGA, esse tem cara de Flamengo.
    Pra 2016 a “nova” diretoria deveria olhar para: Danilo Fernandes (Sport); Otavio (Atl pr); Luan (Atl mg); Fernando Bob (P.Preta)e Fred (Goias)….nomes que podem dar qualidade e RAÇA ao time !

    Reply
  4. Caro Kléber! Estamos começando bem o planejamento de 2016 com a contratação do Muricy! Esperamos que a união com o Flávio Godinho possa gerar os frutos do sucesso que buscamos já faz um bom tempo! Vender Luis, Everton e Samir, haveremos de lamentar pelos pratas de casa e no caso do Everton, pela doação em campo! A questão independente deles e do caixa, é de fato fazer contrataçoes com o bisturi em mãos, ou seja, de muita precisão e que verdadeiramente resolva o problema do futebol! Podemos ter um time competitivo e ao mesmo tempo técnico, porém, que seja um time comprometido com sua própria honra, bem diferente do atual! Bons zagueiros, um craque que possamos chamar de nosso, e porque não sonhar com o Renato Augusto! Um meio de campo combativo e técnico, sem falar, que o Paulo Vitor me parece perdido para ser o goleiro principal! Que sejamos competentes nesta área e que formemos um time a altura da maior torcida do mundo! Boa sorte e sucesso ao Muricy! SRN

    Reply
  5. Grande Kleber,

    Ao ler seu post, fico esperançoso. Estamos precisando muito retornar o caminho do bom futebol e termos realmente um time para torcer. Já escrevi em outras situações, esse ano no futebol foi perdido.
    Quanto a criatividade em se formar um elenco, seria pedir muito pra você conversar bastante com o Godinho, Bandeira, Caetano… apenas conversar!!!
    Grandes tempos quando você cansava de contratar craques para o nosso Flamengo.
    SRN

    Reply
    • Meu grande Pedro!
      Nada vai ser… não tiver os protagonistas…
      Lamento dizer, que hoje, o futebol do Flamengo precisa muito mais de jogadores que de técnico.
      Acho Muricy espetacular. Uma verdadeira inovação!
      Mas com o elenco que temos, vai ter que se virar nos 30 pra fazer este bando rodar.
      Se der as mãos pro Godinho, a coisa pode melhorar consideravelmente.
      Palmas para o Bandeira, que entendeu que 2016 já começou.
      Só falta no dia 7, após a vitória, revelar pelo menos 4 contratações de impacto…

      Reply
  6. Um fato histórico em relação ao Flamengo é a pouca paciência que a torcida tem quando os resultado não acontecem de imediato. Muricy, caso seja ele mesmo o treinador, vai ter de recomeçar do zero a montar o time para 2016. Esse Flamengo de 2015 é para ser esquecido e enterrado. Isso, naturalmente, vai exigir algum tempo até que ele consiga dar um padrão de jogo ao time. Será fundamental que a torcida o apoie e entenda que nesse inicio não serão só flores e alegrias.
    Vale lembrar que o mesmo Tite que terminou o ano como a alma desse time do Corinthians enfrentou algumas dificuldades na montagem desse time no decorrer do ano. A paciência da torcida e o apoio que recebeu foram fundamentais para que o clube se tornasse vencedor.
    Não tenho duvidas que Muricy vai levar algum tempo para acertar o time. Será fundamental que ele receba esse apoio da diretoria, da torcida e principalmente do homem forte do futebol. De nossa parte daremos todo o apoio possível.
    As notícias que trouxestes para nós, caro Kleber, nos animam e nos deixam esperançosos para 2016. Aguardamos boas novas nos próximos posts. Obrigado.

    Reply
  7. Eu só não concordo em relação ao Bap.

    Eu sinceramente não entendo pq esse senhor é tratado como semi-Deus.

    Um senhor que em campanha eleitoral, chama o presidente da instituição que ele pretende estar….. e que outrora esteve no comando , de “burro com iniciativa ” sinceramente não merece o meu respeito.

    Engraçado como todos os ex-presidentes…..e eu digo todos… sem exceção tem uma enorme vocação para meter a boca no EBM.

    Mas será que nenhum ex- presidente não enxerga que 99,99% do caos que se estabelece no Flamengo hoje, é fruto justamente dessa maneira retórica de achar que o FUTEBOL está sempre na frente do equilíbrio financeiro???

    Não precisa ser gênio da matemática, que do jeito que todos eles presidiram o Flamengo….deu M#$%¨¨

    Deu uma M#$%&* de nada mais nada menos que 750 milhões em dívidas.

    Agora…. outra coisa é me perguntar se eu como RN tenho orgulho do time de 2015. Não , não tenho.

    Gostaria muito de colocar em pauta aqui no nosso blog, o seguinte tema :

    Vale tudo … extremamente tudo, para levantar um , dois, ou três canecos na temporada, e arrombar os cofres do clube ???

    Se a resposta for positiva, dá tempo de votar no Wallin ou no Cacau e quem sabe arrumar um impeachment para o Bandeira.

    Se for negativo, estejam certos que:

    Ninguem arruma uma casa tão desequilibrada em pouco tempo ou fazendo mágica. Se fosse fácil, já teriam feito antes.

    E tem mais .. a ideia que Wallin , Bap e cia , passaram ao abandonar o barco é a pior possível. Beira a covardia.

    Reply
    • Oi Anderson,

      Acho que você “pulou” o post anterior, cujo título é Agradecimento. Esse aqui, olha: http://kleberleite.com/2015/11/agradecimento/

      Nele, o nosso companheiro de blog, Eduardo Bisotto, responde muitas de suas críticas aos NOSSOS ex-presidentes, e corrobora totalmente com minha opinião. E olhe que o cara é torcedor do Colorado! Além disso, ele dá uma aula de maneira geral. Vale a pena ler o texto do Eduardo, mas destaco abaixo o trecho que diz respeito aos ex-presidentes:

      “Igualmente vergonhoso é o desrespeito com a história da instituição. Parece que o Flamengo simplesmente não existiu antes que o iluminado Walim e seus amigos resolvessem salvá-la do naufrágio. O Flamengo não foi hexacampeão brasileiro antes de Walim. O Flamengo não foi a maior torcida do mundo antes de Walim. O Flamengo, em suma, não é nada sem Walim. Arrogância e prepotência sem limites. Mais uma vez, só encontro paralelo no rapaz do discurso do “nunca antes na história deste país”, às voltas no momento com a tentativa de não parar na cadeia.”

      E digo mais, se temos o potencial de fazer dinheiro e ajustar o caixa, como temos hoje, é por causa de nossos ex-presidentes, que formaram, com suas administrações, a maior torcida do mundo e torcida só se conquista com títulos. Inclusive seis Brasileirões, inúmeros estaduais, Copas do Brasil, uma tal Libertadores e um Mundial…

      Prefiro ter os títulos que temos, e dívidas equacionáveis, como estão equacionando, do que não ter títulos, nem torcida, nem dívida… aliás, todos os grandes clubes brasileiros tem dívidas, mas não têm nossa torcida, nem nossos títulos e, por consequência, nosso potencial de gerar receita.

      Reply
    • kkkkkkkkkkk
      Tõ na janela, Grande Pedro…
      Leio todos os dias, fiquei emocionado com o texto do Biscotto.. que não é de Polvilho… mas as sacanagens politiqueiras me dão náuseas…
      Os caras da Chapa Verde deveriam comprar um caminhão de óleo de peroba…
      São muito caras de pau…

      Reply
    • Muricy disse que veio para contribuir com a história do clube, isso me pareceu tocante, pq ele tem estofo para propor e cumprir esse propósito! E que o motivo de seu desejo de contribuir é a admiração que tem pela nossa torcida! Só mesmo um intelectual do futebol colocariam outras questões de lado em prol desse objetivo. Torcida essa que ele só verá no Maracanã no segundo semestre de 2016 devido aos jogos Olímpicos, o que é de se lamentar!

      Reply
      • Esse tempo, caro Nino, vai ser bom, pois ele terá mais tranquilidade para arrumar a casa. Temos que ser realistas, a simples chegada do Muricy não mudará de imediato as coisas no futebol. Isso leva tempo. Se o ouvirem, pelo menos não virá tanto pagaré como vieram esse ano.

        Reply
  8. Falou quem conhece. Uma aula de captação de recursos de maneira rápida. Temos outras saídas como o ST, como as escolinhas e embaixadas pelo Brasil, excursões e participação em grandes torneios. A adidas precisa estar mais presente no nosso clube.
    Por onde anda o nosso grande amigo do blog Carlos Egon ? Esta sumido faz tempo.

    Reply
    • Presente! Amigo Andre!!! kkk
      Tô na área com nova corneta.
      Se me empurrar é penalti,,,
      Falou muito bem sobre a “ausência” da Adidas.
      Perfeito!!!!!! 👍

      Reply
  9. Não vejo o Muricy com o perfil para treinar o Flamengo e liderar um projeto para o futebol. Pessoa de temperamento difícil e que privilegia um futebol de levantar bolas na área. Jogo feio e pouca resiliência não combinam com a história rubro-negra.

    Reply
  10. Comentáriozinho rápido aos amigos do blog sobre a discussão time x equilíbrio financeiro: o América mineiro era, junto do Galo, os dois principais times mineiros, inclusive quanto ao número de torcedores. Quando o Coelho optou por fazer patrimônio, vendeu seu campo, a Alameda, no centro de BH! O que aconteceu? Ficou rico, mas sem torcida e sem títulos, o outrora deca-campeão hoje pena para voltar à primeira divisão do brasileiro.
    Parabéns Kleber e Márcio Braga, verdadeiros ídolos rubro-negros! Sem vcs, estaríamos aí, ricos, mas sem títulos e torcida! Parabéns ao Eduardo, caso consiga equacionar as dívidas. Mas sem time, não adiantará NADA!
    Carlos Egon, encontrou um “vinte e um anos”?

    Reply
    • Ainda não, amigo Mauro…
      Com oito anos já faço uma farra, com vinte e um vou dançar na Rio/Santos… Kkk
      Em 2016, com Godinho voando no Departamento de Futebol, vou me atracar com um…
      Se der… te conto depois… Kkkkk

      Reply
  11. Gosto muito do Muricy. Traz mais seriedade, credibilidade ao futebol do Flamengo.
    Com exceção do Palmeiras em 2009, sempre levou os times a boas campanhas em campeonatos nacionais e internacionais. Será uma bola dentro da gestão EBM sua vinda ao mais querido.
    Em tempo: A chapa verde desesperada com perda iminente das eleições está trazendo factoides sobre a vinda de Jorge Sampaoli ao Flamengo. Além de não mostrar nenhum documento assinado ou foto do suposto encontro que teve com o técnico, o próprio Sampaoli acaba de negar na rádio chilena seu acordo com a chapa verde. São atitudes como essas que sujam a imagem do Flamengo no Brasil e no exterior!
    Que venha o Muricy e tenho certeza que nos dará muita alegria!!

    Reply
  12. foi numa destas que trocaram adriano e reinaldo pelo vampeta, e todos sabem o que aconteceu, adriano virou imperador e vampeta fingia que jogava.

    Reply

Comente.